Marcas apostam no mercado plus size para o Dia das Mães

Crescente nas vitrines, mercado GG já movimenta anualmente cerca de R$ 4,5 bilhões

Por O Dia

Mercado GG já movimenta anualmente cerca de R%24 4%2C5 bilhõesDivulgação

Rio - Super magras, modelos desfilam nas principais passarelas do mundo exibindo um estereotipo que está cada vez mais distante da realidade das mulheres, e principalmente das mamães, do globo terrestre. No Brasil, segundo o Ministério da Saúde, cerca de 48,1% da população está acima do peso e 15% são obesos. Pensando nisso, o mercado fashion entrou de cabeça na linha de roupas voltada para o público feminino plus size neste Dias das Mães.

Em todo o país esse mercado já movimenta anualmente cerca de R$ 4,5 bilhões, o que significa cerca de 5% do faturamento total do setor de vestuário em geral, que hoje ultrapassa os R$ 90 bilhões, segundo a Associação Brasileira do Vestuário (Abravest).

Se adequando as necessidades do mercado, grandes marcas vêm se adaptando aos diversos padrões da mulher brasileira, destinando coleções ao seguimento GG. A OLOOK, marca online, desenvolveu a "Olook Curves", uma nova linha de roupas pensada especialmente para as mulheres plus size. Segundo Helena Linhares, diretora criativa da marca "a ideia é integrar a cliente que muitas vezes não consegue roupas descoladas e assim convidá-la a participar de um site que estimule a experimentação e a criatividade".

Pensando nas mamães mais moderninhas, a C&A lançou exclusivamente para o Dia das Mães sua primeira linha de lingeries plus size. Com 8 modelos que vão do tamanho 46 ao 52, a coleção conta com sutiãs push up, calcinhas nos modelos string, e diversos biquínis. A linha de lingeries passa a integrar a marca Special For You, que já é fixa na loja e contempla a confecção feminina com produtos desenvolvidos especialmente para tamanhos maiores.

Últimas de _legado_Economia