Sobe para 43 o número de mortos em desabamento de edifício na Índia

Acidente deixa, pelo menos, 32 feridos

Por O Dia

Nova Délhi (Índia) - Pelo menos 43 pessoas morreram e outras 32 ficaram feridas após o desabamento de um prédio de cinco andares em Mumbai, na Índia, segundo a última apuração divulgada neste sábado por fontes da unidade de controle de desastres. O desabamento do imóvel, no qual viviam 21 famílias, aconteceu no começo da manhã de sexta-feira, quando muitos dos moradores ainda dormiam, informou o chefe da unidade de controle de desastres, Mahesh Narvekar.

As autoridades enviaram máquinas pesadas para o local do acidente, no sul de Mumbai, para facilitar os trabalhos das equipes de salvamento, que durante o primeiro dia encontraram 13 corpos. O caos e a confusão aumentaram na medida em que os familiares dos moradores do edifício chegavam ao local e questionavam as forças de emergência sobre os locais para onde foram transferidos os mortos e feridos.

Sobe para 43 o número de mortos em desabamento de edifício na Índia Efe

Unidades dos bombeiros e quatro ambulâncias foram enviadas até o local e transferiram os feridos para os dois hospitais mais próximos, segundo o jornal local "DNA". O edifício residencial de cinco andares, construído pela corporação municipal há 30 anos e habitado em sua maioria por funcionários locais, estava situado muito perto do mercado de Babu Genu, na área metropolitana de Mazgaon. O edifício necessitava ser reformado com urgência e de acordo com relatórios dos quais teve acesso a imprensa local, o imóvel estava prestes a ruir.

A Administração de Mumbai anunciou uma compensação para as famílias dos mortos no valor de 200 mil rúpias (US$ 3.250) e o prefeito da cidade, Sunil Prabhu, garantiu que os culpados pelo acidente serão levados à Justiça. A Prefeitura apresentou uma denúncia contra um decorador que supostamente realizou algumas modificações no térreo do edifício, divulgou a agência indiana "PTI".

Os desabamentos em áreas urbanas são frequentes na Índia, pois, na maior parte das obras, são utilizados materiais de péssima qualidade e as mesmas não obedecem à legislação. Este é o segundo grande desabamento em Mumbai neste ano: em junho, dez pessoas morreram em um desmoronamento na cidade. Em abril, 74 pessoas morreram após a queda de um edifício ilegal na cidade de Thane, muito próxima de Mumbai.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência