Por

Renato Gaúcho está mesmo em alta. Campeão da Copa do Brasil em 2016, brigando pelo vice-campeonato brasileiro e a 90 minutos de conquistar a Copa Libertadores. Que fase!

No vestiário do Internacional já tem armário e camisa colorada com o nome de Abel Braga. Dentro do Fluminense, dizem que não sairá. É consagrador ser querido e cobiçado.

Juan, aquele zagueiro que diziam que está velho, dá exemplos diários de vitalidade no Flamengo.

Você pode gostar
Comentários