Grêmio pode ficar sem a sua Arena para a disputa do Campeonato Brasileiro

Crise de construtora pode afetar o clube de Porto Alegre

Por O Dia

Rio Grande do Sul - Inaugurada pelo Grêmio em 2013, a Arena do clube de Porto Alegre é um dos estádios mais modernos do Brasil. No entanto, o orgulho do Tricolor pode acabar sendo interditado no Brasileirão. A construtora OAS está atrasando as parcelas do financiamento do estádio que foi feito junto aos bancos. A informação é do jornal local, "Zero Hora".

Grêmio pode ficar sem o seu estádioDivulgação

O estádio custou R$ 230 milhões e a dívida ainda circula perto de R$ 160 milhões ao BNDES. Nos últimos três meses, a OAS, envolvida na Operação Lava-Jato, deixou de pagar as parcelas. Os bancos já poderiam pedir o bloqueio da cota bancária que recebe os lucros nos dias dos jogos do time gaúcho. Caso isso ocorra, o Grêmio não poderá custear a do estádio em dias de jogos. É nesta conta que o Grêmio deposita todos os meses R$ 1,8 milhão pelo uso do estádio.

VEJA MAIS: Confira a tabela e classificação do Campeonato Brasileiro

Apesar do momento complicado, o presidente do Grêmio, Romildo Bolzan Jr, afirmou que atuar no Olímpico está descartado e que o duelo contra o Figueirense, no próximo dia 23, será na Arena do Grêmio.