Vaivém nas Laranjeiras

Clube sofre com transferências e planeja reforços para manter rendimento

Por O Dia

Rio - O vento que sopra pela janela de transferência europeia transformou-se em vendaval e preocupa os mais experientes do elenco do Fluminense. Depois de Wagner aceitar a proposta do Tianjin Teda, da China, e Kenedy acertar com o Chelsea, ficou a sensação de que outras peças podem ser perdidas nos próximos dias. A melhor campanha do Rio no Brasileiro está em risco e o sinal de alerta está ligado nas Laranjeiras. O Flu se movimenta, deve anunciar hoje os atacantes Osvaldo e Wellington Paulista, mas ainda é pouco.

Enderson já pediu reforços no FluminenseAle Cabral / Parceiros / Agência O DIA

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Fluminense

A diretoria ainda deve buscar mais três ou quatro reforços, sendo dois para o meio-campo. O técnico Enderson Moreira conta apenas com jovens da divisão de base. Na lateral esquerda, Giovanni é dúvida para enfrentar o Cruzeiro e Breno Lopes está impossibilitado de atuar, por ter sido emprestado pelos mineiros. Wellington Silva pode atuar improvisado.“Perdemos peças importantes e precisamos repor. No Brasileiro só se consegue êxito com um bom elenco”, afirmou Diego Cavalieri.

“O Kenedy tem um grande potencial. Ficamos tristes pela saída, mas felizes porque ele vai para um grande centro. Já o Wagner era muito importante, pois pensava o jogo e tinha uma função tática. Uma pena”, lamen tou o goleiro tricolor.