Sucesso nas compras: Necessidade de preço, saiba ponderar

Sabemos que em um próximo passo outras tecnologias virão, mas nada é mais moderno e acessível que um smartphone

Por O Dia

Rio - “Cada vez mais o mundo estará conectado através de uma tela” observava um profissional da área de Comunicação em uma palestra proferida há alguns anos.

Realmente isso está acontecendo. Com o advento da televisão, depois com a chegada do computador, e mais recentemente com os laptops, tablets e smartphones, a sociedade se comunica por meio de telas grandes, médias e pequenas.

Com mais tecnologia, rapidez e conveniência, a comodidade de estar em qualquer lugar, conectar-se e ter acesso a tudo aquilo que desejar já é uma realidade e acessível a todos. Desta oportunidade ninguém pode nem deve ficar afastado, pois corre o risco de ser considerado um excluído digital da atual sociedade. Para saber um pouco mais, leia abaixo.

Por Marco Quintarelli

PERGUNTA E RESPOSTA

“Moro sozinho e tenho um computador em casa, que atende às minhas necessidades pois sou autônomo e trabalho bastante nele. Pensei em comprar um laptop, tablet ou um smartphone para acompanhar meu trabalho, e-mails e até mesmo os jogos e as redes sociais que eu gosto muito. O que me aconselha a comprar? E , compro agora ou deixo para o ano que vem ?”

Henrique, Copacabana

Em sua pergunta faltam alguns detalhes para que eu possa ser mais específico na dica, porém atenha-se ao seguinte. Tudo dependerá de sua necessidade.

Você disse que é autônomo e trabalha com o computador. Se utiliza planilhas ou apresentações, um laptop e até mesmo um tablet bem estruturado podem lhe auxiliar e muito em suas reuniões e contato com os clientes. Por outro lado os smartphones estão cada dia mais completos e assumem todo o papel de um computador de bolso com mais restrições para uma apresentação é claro.

Atualmente já existem projetores de imagens para smartphones que sustentam apresentações. O mundo na palma de sua mão é a realidade de hoje. Sabemos que em um próximo passo outras tecnologias virão, mas atualmente nada é mais moderno e acessível que um smartphone. Inclusive para as outras atividades que você menciona como o entretenimento. Os aplicativos são completos, a maioria gratuita e diversificada. Eles são fáceis de baixar e muito melhores para utilizar em tablets e smartphones.

A partir de 1º de dezembro deste ano a isenção fiscal de PIS e Cofins que está atuando desde 2005 pela Lei 11.196/2005, conhecida pela “Lei do Bem” que incentiva a inclusão digital, será suspensa e todos os artigos de computadores, tablets e smartphones já não terão este benefício. Logo um possível reajuste de repasse acima de 11,75% que são as alíquotas de PIS e Cofins pode ocorrer ao consumidor final.

A oportunidade de fazer boas compras com ofertas atraentes é agora. Hoje na Black Friday ou até o fim deste mês, pois algumas lojas estendem os prazos de descontos.

Marco Quintarelli é consultor do Grupo AZO. Segunda-feira, Sucesso nos Concursos

Últimas de _legado_Economia