Hotel é isolado por ameaça de bomba em Luxemburgo

Clientes e funcionários tiveram que sair do local e 36 quartos foram inspecionados pelos agentes

Por O Dia

Bruxelas - Unidades especiais de desativação de explosivos de Luxemburgo retiraram todas as pessoas do hotel Simoncini devido a uma ameaça de bomba neste sábado, informou o jornal luxemburguês "Luxemburger Wort" citando fontes da polícia.

Os clientes e funcionários foram conduzidos para fora do hotel e 36 quartos foram inspecionados. A polícia afirmou que o alerta foi dado às 15h30 locais (12h30 em Brasília) e as forças especiais isolaram imediatamente a área e bloquearam o trânsito da rua Notre Dame, onde se encontra o estabelecimento.

?LEIA MAIS: Bélgica eleva alerta terrorista para nível mais alto

Um residente da área afetada disse ter visto a polícia levar uma pessoa detida. A polícia ainda investiga os fatos, ressaltou a publicação.

Últimas de _legado_Mundo e Ciência