Reboquistas são presos por cobrarem dinheiro para liberar motos apreendidas

Dupla cobrava R$ 600 para devolver motocicleta ao proprietário apreendida em ação da PM sem dar entrada no depósito

Por O Dia

Rio - Policiais da 36ªDP (Santa Cruz) prenderam em flagrante, na terça-feira, os operadores de reboque Joubert Chagas de Freitas e Nilton da Silva Iglesias. A dupla era responsável pelo reboque no motocicletas apreendidas durante operação da Polícia Militar, em Santa Cruz, na Zona Oeste. Segundo a Polícia, eles devolviam os veículos aos donos, mediante pagamento em dinheiro. Nilton e Joubert responderão pelo crime de corrupção passiva.

A polícia descobriu o caso após a dupla cobrar R$ 600 para devolver a motocicleta ao proprietário sem dar entrada no depósito. Os policiais prenderam Joubert e Nilton no momento em que eles recebiam o dinheiro.

Reboquistas cobravam dinheiro de donos de motos apreendidas para liberá-lasDivulgação

As investigações foram auxiliadas por policiais militares, que forneceram a documentação das multas e guias de apreensão, além de imagens do reboque com todas as motos apreendidas. Duas motocicletas foram recuperadas e encaminhadas ao depósito e outras duas devolvidas, mediante pagamento, foram identificadas.

“As investigações continuam para identificar há quanto tempo os presos vinham cometendo o crime e quantas pessoas pagaram para reaver as motos sem que dessem entrada no depósito”, diz o delegado Daniel Mayr Pereira da Costa.

Últimas de Rio De Janeiro