Católicos vão às ruas pedir paz para o Rio de Janeiro neste domingo

Duas paróquias farão caminhadas e missa em praça na Penha

Por O Dia

Rio - Preocupados com a onda de violência que atinge a Zona Norte nos últimos dias, principalmente nas favelas que compõem o Complexo do Alemão, líderes da Igreja Católica estão convocando os fiéis para uma “Missa Pela Paz” neste domingo. A celebração ocorrerá as 18h, na Praça Portugal, na Penha Circular, em frente à Escola Municipal Suíça. Por volta de 17h, os párocos Jefferson Merighetti, da Paróquia Nossa Senhora da Cabeça, na Penha, e Givanildo Luiz, da Paróquia Santa Edwiges, sairão às ruas em caminhada com os moradores até a Praça Portugal.

Nos últimos dias, a onda de violência naquela região vem sendo registrada pela imprensa e nas redes sociais. Desde a semana passada, a polícia iniciou a caçada pelo traficante Nicolas Labre Pereira de Jesus, o Fat Family, resgatado por pelo menos 15 comparsas armados de fuzis e pistolas do Hospital Souza Aguiar, onde um homem foi morto na ação, que ainda deixou funcionário em estado grave.

Onda de violência no Complexo do Alemão vem sendo registrada pela imprensa e nas redes sociaisEstefan Radovicz / Agência O Dia

Desde a fuga de Fat Family, agentes de várias delegacias especializadas têm se deslocado para vários conjuntos de favelas em operações em busca da prisão dos criminosos. Os confrontos, que já vitimaram inocentes, têm sido constantes. Só na nesta sexta-feira, quinto dia consecutivo de ações, participaram 27 batalhões de todo estado.

Segundo a Secretaria de Estado de Segurança, no Morro do Urubu, entre os bairros de Pilares e Tomás Coelho, policiais prenderam sete suspeitos e apreenderam um fuzil AR-15, uma pistola 9mm e um rádio transmissor. Um homem foi morto. Já na Zona Oeste, nas comunidades Vila Aliança e Coreia, em Bangu, quatro homens foram presos e uma pistola Ruger 9mm e dois rádios transmissores foram apreendidos. Além disso, um veículo roubado foi recuperado.

Últimas de Rio De Janeiro