Autor de artigo contra Lula pede proteção

Por ASSINATURA REPÓRTER

Lula é chamado, entre outras coisas, de criminoso pelo articulista
Lula é chamado, entre outras coisas, de criminoso pelo articulista - Agência Brasil

A publicação de um artigo intitulado "Lula deve morrer" na revista IstoÉ vai render muita dor de cabeça ao seu autor: o jornalista Mario Vitor Rodrigues. Ontem mesmo as reações começaram a surgir, principalmente pelas redes sociais, onde - segundo o autor do artigo - recebeu ameaças, o que o levou à delegacia para pedir proteção policial.

E não para por aí: ontem mesmo o PT, partido do ex-presidente e pré-candidato à Presidência da República, Luiz Inácio Lula da Silva, informou que vai processar Rodrigues por incitação à violência, crime previsto no artigo 286 do código penal. "O título é tipicamente uma incitação ao crime, conforme previsto no artigo 286 do Código Penal Brasileiro", afirma o partido em nota.

Rodrigues também fechou sua página no Facebook, na qual disse que "fanáticos" não sabem interpretar textos após a repercussão de sua coluna. Sendo bem interpretado ou não, logo na abertura do texto, Rodrigues afirma que "pelo bem do País, Lula deve morrer. Eis uma verdade incontestável. Digo, se Luiz Inácio ainda é encarado por boa parte da sociedade como o prócer a ser seguido, se continua sendo capaz de liderar pesquisas e inspirar militantes Brasil afora, então Lula precisa morrer."

Em nota, o PT afirma que "este episódio demonstra até que ponto setores da direita e das elites estão dispostos a chegar para impedir o retorno de Lula à Presidência da República pelo voto do povo brasileiro".

Comentários

Últimas de Mundo & Ciência