Guilherme de Pádua vira pastor em MG

Por O Dia

Guilherme de Pádua vira pastor de igreja evangélica. Há 20 anos, o ex-ator foi condenado pelo assassinato da atriz Daniella Perez, filha da autora de novelas Gloria Perez. Leitores comentam.

Depois falam o ditado "Aqui se faz, aqui se paga".... não estou vendo ele pagar nada. Quem já teve um filho morto por assassinato sabe da dor e da revolta que se carregam para a vida toda. Agora esse assassino vai desfrutar a vida... mais um 'paxtor' na vida, não merece perdão pois se passou e quis ser Deus e tirou uma vida... Deus não perdoou nem Satanás, que quis ser Deus, vai perdoar esse aí...? Volta para a cadeia!

Ale Anjos

Pelo Facebook

O perdão divino, ele pode ter conseguido, mas a sociedade, na sua infinita imperfeição, jamais perdoará. Só falta esse verme ir às TVs, para querer converter algum incauto.

Jorge Eduardo

Pelo Facebook

Ele, assim como Saulo de Tarso, assim como o ladrão na Cruz, assim como tantos outros que pagaram por seu crime, se arrependeu e mudou de vida. Tem uma segunda chance! Jesus, se estivesse aqui, perguntaria: Aquele que não tiver nenhum pecado, atire a primeira pedra!

Sandro Mota

Pelo Facebook

Pastor é uma profissão, qualquer um pode ser, até mesmo um psicopata como o Guilherme de Pádua. O triste é saber que muitos brasileiros ignorantes o seguirão e defenderão cegamente a partir de agora.

Aline Campelo

Pelo Facebook

Quem pode aceitar uma pregação de um "assassino confesso"? Por essa e por outras razões que não sigo nenhuma doutrina; faço minhas orações e agradecimentos em louvor de algum ente querido em casa. Muita podridão e enriquecimento ilícito, vergonhoso.

Eneas Lima Junior

Pelo Facebook

Engraçado as pessoas falarem da outra vida! Aí vai responder quando morrer, será que alguém realmente já voltou para falar o que acontece após a morte? Acho que não...

Edilson Lima

Pelo Facebook

Comentários