Famosos usam redes sociais para se manifestar sobre greve de ônibus

'E, como sempre, tudo vira carnaval', diz Vitor Belfort

Por O Dia

Rio - Alguns famosos usaram, na manhã desta quinta-feira,  as redes sociais para se manifestar sofre a greve de ônibus no Rio. Um deles foi o lutador Vitor Belfort, que se mostrou indignado com a impossibilidade de deslocamento da população para o trabalho. 

Vitor Belfort%3A 'E%2C como sempre%2C tudo vira carnaval'AgNews

"Como sempre o trabalhador sofre, hoje, greve de ônibus e amanhã, vai saber o quê. No fim das contas, quem se dá bem são aqueles que vivem da mamata. Bom, e o pior de tudo é que nada vai mudar, ou melhor, vai sim mudar para pior, mas o povo está satisfeito. E no fim das contas, teremos a Copa do Mundo e Olimpíadas. E, como sempre, tudo vira carnaval. Sem uma boa educação, nunca teremos um povo consciente. Não agüento mais essa sacanagem", escreveu Vitor. 

O autor Aguinaldo Silva também se manifestou na web. "Virou moda no Rio: greve, ônibus depredados e incendiados, bloqueio de ruas com fogueiras de pneus... Hoje começou cedo: anarquia total. E os professores tambem entram em greve semana que vem no Rio. Quanto quer apostar como a greve só acaba depois da Copa?... A greve de hoje é dos motoristas de ônibus. Além de parar os coletivos, eles se postam em pontos chaves da cidade e bloqueiam o trânsito. Milhares de cidadãos que sairam para trabalhar não conseguem chegar ao trabalho e já não podem voltar pra casa por causa da greve de ônibus. Tem muita gente por aí confundindo democracia com desordem e anarquia. Chamem já a Scherazade e deixem ela falar!", declarou ele.

Contrários ao acordo feito entre sindicato da categoria e empresários, que definiu aumento de 10% e R$140 de cesta básica, os rodoviários reivindicam reajuste de 40%, auxílio alimentação de R$ 400 e o fim da dupla função de motorista (que também é cobrador em algumas linhas de ônibus).


Últimas de Celebridades