'Quem dera que o avião da Chapecoense fosse do Benfica', canta torcida do Porto

Torcedores usaram a tragédia, que vitimou 71 pessoas, para debochar dos adversários durante uma partida de handebol

Por O Dia

Portugal - Uma torcida organizada do Porto, a 'Super Dragões', protagonizou um episódio lamentável em uma partida de handebol, nesta semana. Os torcedores usaram a tragédia com o avião da Chapecoense, que ocasionou a morte de 71 pessoas, para debochar do rival Benfica.

Durante o jogo, foi possível ouvir os torcedores do Porto cantando: "Quem me dera que o avião da Chapecoense fosse do Benfica".

De acordo com o portal português 'Record.pt', o canto foi ouvido enquanto o Porto estava atrás no placar. Porém, quando a equipe passou à frente do Benfica, não se ouviu mais a canção.

A tragédia envolvendo o avião da Chapecoense vitimou 71 pessoas, entre elas estavam jogadores, membros da comissão técnica e jornalistas. Seis pessoas sobreviveram ao acidente que comoveu o mundo. Os jogadores Alan Ruschel, Neto e Jackson Follman, e o jornalista Rafael Henzel. Dois tripulantes da LaMia também sobreviveram.

Últimas de Esporte