Após nova derrota e demissão de Enderson, Flu se reapresenta na Urca

Auxiliar técnico, Marcão comandou a atividade com o elenco tricolor; Segurança precisou ser reforçada para evitar protesto

Por O Dia

Rio - Com ressaca, depois de uma noite pra lá de tumultuada, foi assim que o Fluminense se reapresentou após a goleada por 4 a 1 para o Palmeiras, no Maracanã, na última quarta-feira. Além do sétimo jogo consecutivo sem vitória, o Tricolor se despediu do técnico Enderson Moreira e agora corre para achar um substituto para a vaga. Na atividade desta quinta, realizada na Escola de Educação Física do Exército, na Urca, o auxiliar Marcão comandou o treinamento com o elenco. 

Ronaldinho Gaúcho participou normalmente da atividade do Fluminense%2C na UrcaDivulgação / Nelson Perez

A campo foram os jogadores que não iniciaram e não atuaram na derrota para o Palmeiras. Fred e Ronaldinho estavam entre os presentes e treinaram normalmente. Mário Bittencourt e Simone também apareceram e observaram o trabalho, que foi fechado à imprensa. A presença da segurança foi reforçada no local e também nas Laranjeiras. Mas, nenhum tipo de protesto foi visto. 

Na 11º colocação, com 34 pontos na tabela do Campeonato Brasileiro, o Fluminense viaja até Campinas nesta sexta-feira para encarar a Ponte Preta, às 21h, no sábado, no Moisés Lucarelli.