Defesa tira o sono dos vascaínos

Nos últimos 11 jogos, time saiu atrás no placar em oito e apenas em dois conseguiu a tão sonhada virada

Por O Dia

Rio - Os torcedores do Vasco estão incomodados. Em campo, o time não passa confiança, não embala na Série B, tem jogado mal e, mesmo após 25 rodadas, não alcança a liderança da competição. O sistema defensivo, tão elogiado no primeiro semestre, já não é o mesmo e agora aparece como um grave problema. Afinal, nos últimos 11 jogos disputados, em oito o Vasco saiu atrás no placar e apenas em duas oportunidades conseguiu a virada (contra América-MG e Náutico).

Joel Santana tenta acertar a defesa do VascoAndré Mourão

O mau desempenho na zaga contribui, e muito, para o grande número de empates no campeonato - foram 11 até o momento, mesmo número da Portuguesa, que está na zona do rebaixamento. Sofrendo primeiro o gol, o setor ofensivo não tem mostrado velocidade e inspiração para vencer a retranca adversária.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

O problema já foi diagnosticado pelos jogadores e comissão técnica e o cuidado para não ser surpreendido pelo adversário sempre é tema no vestiário antes de a bola rolar. Mas o Vasco segue em busca de uma solução.

“A gente conversa sobre isso, pois sabemos que a dificuldade aumenta quando o adversário sai na frente. A retranca é maior”, disse Douglas, no intervalo do jogo contra o Sampaio Corrêa.

Sem tempo para lamentar, a delegação desembarcou nesta quarta-feira no Rio e treina nesta quinta à tarde no campo do CFZ. Sexta, o Vasco tem partida importante contra o Joinville, líder da Série B com 47 pontos. Em quarto lugar, o time está a três pontos do adversário, mas pode deixar o G-4 em caso de um novo tropeço.