Dagoberto muda a cara do Vascão

Com o atacante entre os titulares, time mostra uma ótima evolução, principalmente no setor ofensivo

Por O Dia

Rio - A estreia de Dagoberto no Vasco não poderia ter sido mais promissora. Com o atacante em campo, o time apresentou um futebol envolvente, atropelou o Nova Iguaçu por 5 a 1 e se manteve na liderança isolada do Carioca. Dagol balançou as redes uma vez e mostrou ótimo entrosamento com o centroavante Gilberto, outro que deixou sua marca.

Dagoberto teve grande estreia pelo VascoDivulgação

Os gols da dupla ajudaram o time a mudar uma relação difícil de explicar: mesmo liderando e com cinco vitórias seguidas, o Vasco tinha o pior ataque entre os grandes na competição e não apresentava um futebol convincente. O setor defensivo era o maior destaque do time. No domingo, a Colina respirou novos ares. Só no primeiro tempo, foram quatro gols, o que não acontecia em um jogo oficial da equipe desde 2011, na goleada de 6 a 1 sobre o Comercial-MS, pela Copa do Brasil, ano em que conquistou o título. Com os cinco gols, o Vasco chegou aos 19 e, agora, só está atrás de Botafogo, com 23, e Flamengo, com 22.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Vasco

Campeão por Atlético-PR, Internacional e Cruzeiro, Dagoberto estava inativo desde o fim do ano passado. E admitiu que não esperava uma estreia tão bem-sucedida. Disse ter ficado surpreso com o fato de conseguir jogar por todo o tempo. O técnico Doriva também elogiou sua atuação, mesmo reconhecendo que ainda tem muito a evoluir na parte física. Com Dagol em campo, Gilberto ganhou uma companhia mais efetiva na frente e aproveitou os espaços para marcar — pelo terceiro jogo seguido —, abrir espaços e dar assistências aos companheiros.

LEIA MAIS: Notícias, resultados e bastidores do Campeonato Carioca

No domingo, o adversário será o Flamengo, no Maracanã. Um ótimo teste para a segurança da defesa — a melhor do Carioca, com três gols sofridos — e o poderio do novo ataque, tendo em campo a dupla ‘Berto’, que já caiu nas graças da torcida vascaína.

Rodrigo volta ao time no clássico

Sem jogo durante a semana, os titulares foram poupados no treinamento de ontem, em São Januário. Parte do elenco foi ao campo e fez um forte trabalho físico.

Entre eles, estava Rodrigo, que, suspenso, não jogou domingo, mas que tem volta assegurada no clássico diante do Flamengo. O xerife da zaga voltará a a atuar ao lado Luan, dupla que, além de segurar os adversários, já marcou cinco gols no Campeonato Carioca.