Paineiras terá centro de visitação e área com lojas

No prédio do antigo hotel, haverá sanitários, lanchonetes, novas bilheterias e espaço para exposições. Obras começam em 30 dias

Por O Dia

Rio - A fila para a “selfie” com o maior cartão postal do Rio será mais confortável nos Jogos Olímpicos de 2016. É o que promete a Secretaria Municipal de Turismo, em parceria com o consórcio Paineiras-Corcovado, responsável pela construção do novo Centro de Visitação do Parque Nacional da Tijuca, aos pés do monumento do Cristo Redentor. A partir de julho do ano que vem, o antigo Hotel das Paineiras, de onde atualmente saem as vans para o alto do Corcovado, deve receber uma nova bilheteria, sanitários, lojas de presentes, lanchonetes, um restaurante panorâmico e um centro de exposições permanente. As obras foram anunciadas ontem e terão início em 30 dias.

O projeto para o prédio abandonado aguardava permissão desde 2012Bruno de Lima / Agência O Dia

Segundo o secretário especial Turismo, Antônio Pedro Filgueira de Mello, o objetivo é fazer com que a espera pela visita seja menos cansativa. “Só falam do Corcovado na alta temporada, quando reclamam das filas, que acontecem em todos os pontos turísticos do mundo. Nossa intenção é oferecer mais conforto, para que o turista queira conhecer todo o parque, e não apenas a estátua”, declarou. Durante as obras, a visitação vai funcionar normalmente, porém com menos vagas para carros particulares. É recomendado que os visitantes comprem seus bilhetes online com antecedência, e utilizem o transporte de vans que saem do Largo do Machado e da Praça do Lido, em Copacabana.

O Centro de Visitação foi concebido em 2012, quando o consórcio Paineiras-Rio assumiu o local. No ano seguinte, no entanto, o projeto foi contestado pelo TCU, que exigiu permissão do IBAMA e do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) para a realização da obra.

Reportagem da estagiária Clara Vieira

Últimas de Rio De Janeiro