Polícia prende Big Loura, mulher que chefiava roubo de cargas no Chapadão

Quadrilha, composta de mulheres, era conhecida por usar metralhadoras durante roubos. Outra integrante é procurada

Por O Dia

Rio - Apontada pela polícia como líder de uma quadrilha que usa metralhadoras para roubar cargas no entorno do Morro do Chapadão, na Pavuna, Rebecca de Oliveira Soares, a Big Loura, foi presa nesta quarta-feira por agentes da Delegacia de Roubos e Furtos de Cargas (DRFC). Contra ela, que foi presa na casa da tia, em Anchieta, foi cumprido um mandado de prisão por roubo qualificado.

Antes e depois%3A Rebeca%2C com os cabelos louros e lentes de contato%2C como costumava atuar durante os roubos%3B e de cabelo preto%2C como foi presa ontem pela políciaMontagem de divulgação

Segundo o delegado Marcelo Martins, titular da DRFC, além de Rebecca, há outras duas mulheres que atuam na quadrilha.

Mayara%2C que faz parte da quadrilha de louras%2C é procurada pela políciaDivulgação

Gabriela Rosa de Paula já foi capturada pelos agentes, que agora estão em busca de uma suspeita identificada como Mayara, que também está com mandado de prisão expedido pela 23ª Vara Criminal do Rio de Janeiro.

“É uma quadrilha perigosa e que atua na região do Chapadão. Para não ser localizada, a líder do grupo, a Rebecca, chegou a pintar o cabelo de preto. Ela usa destes artifícios para não ser presa. Há no sistema fotos dela com cabelo ruivo também”, detalhou o delegado.

Ainda de acordo com Marcelo Martins, o trio contava com apoio do tráfico de drogas do Chapadão, que é dominado pelo Comando Vermelho (CV).

“Elas roubavam os caminhões e já subiam para a comunidade, onde vendiam os produtos e distribuíam para os criminosos, com nota e tudo mais”, explicou o policial.

Big Loura será transferida na manhã desta quinta-feira da delegacia para a penitenciária Bangu 7, no Complexo de Gericinó, na Zona Oeste do Rio.

Últimas de Rio De Janeiro