'Vai deixar saudades', diz avó de criança atropelada por retroescavadeira

Corpo foi enterrado na tarde deste domingo e reuniu cerca de 150 pessoas

Por O Dia

Rio - Foi enterrado, na tarde deste domingo, o corpo da criança Ohara Cristina, de 2 anos, morta após ser atropelada por uma retroescavadeira no Vidigal, na Zona Sul do Rio na última sexta-feira. Cerca de 150 pessoas entre parentes e amigos compareceram no Cemitério São João Batista, em Botafogo.

Cerca de 150 pessoas compareceram ao enterro da criança Ohara Cristina%2C morta após ser atropelada por uma retroscavadeiraMárcio Mercante / Agência O Dia

A avó da criança, Rosemery Soares Pereira, de 45 anos, estava de cadeira de rodas, com a perna direita engessada. Ela estava junto com a menina no dia da tragédia. Muito emocionada ela falou que apesar de tudo, a vida tem que seguir.

"Era uma criança alegre que vai deixar muita saudade. A gente sai pra fazer nossas atividades normais no dia a dia e aconece uma fatalidade dessa. Eu tinha um carinho especial por ela. Ela me chamava de mãe. Agora temos que seguir em frente com a vida", disse Rosemery.

O pai da criança Antônio Thiago Rocha Azevedo está preso no Complexo Penitenciário de Bangu. A advogada Renata Ribeiro foi contrata para que ele conseguisse um indulto para comparecer ao enterro da filha, porém, a falta de efetivo de policias impediu que ele conseguisse estar presente.

Criança morre após ser atropelada por retroescavadeira da Comlurb

Últimas de Rio De Janeiro