Rio das Ostras: um em cada quatro turistas é da capital

Cidade que sedia a 10ª etapa do Mapa do Comércio faz plano para atrair mais visitantes

Por O Dia

Rio - Um estudo desenvolvido em parceria entre a Prefeitura de Rio das Ostras e a Fundação Getúlio Vargas (FGV) ajuda a traçar o perfil do turismo local. O levantamento, desenvolvido durante três anos, constatou que um em cada quatro turistas chega da capital. A pesquisa levou em consideração a presença de visitantes no verão, Carnaval, festival de jazz e no encontro anual de motociclistas.

Juntos, causaram um impacto econômico de R$ 57,3 milhões no município. A maior movimentação financeira ocorreu no verão, com R$ 26,7 milhões, o equivalente a 46,6% desse total. Mas o índice preocupa, já que registrou queda em comparação com os anos anteriores. A retomada do crescimento do turismo será um dos assuntos discutidos na décima etapa regional do Mapa Estratégico do Comércio, do Sistema Fecomércio, que ocorrerá no município entre hoje e amanhã.

Belas praias e boa infraestrutura atraem visitantes a Rio das OstrasDivulgação

A estratégia da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo é de atrair visitantes de outros estados. Uma parceria firmada com uma associação de empresários ligados a atividades turísticas e uma empresa de transporte rodoviário garantiu a divulgação de dois vídeos institucionais de Rio das Ostras nos ônibus de Ribeirão Preto, interior de São Paulo. As filmagens, que mostram as praias e principais pontos turísticos, será divulgada nos próximos dias.

A iniciativa pode ser estendida para linhas de ônibus de municípios de outros estados, como Minas Gerais e Espírito Santo. “Tivemos uma queda, por conta da crise. Mas a situação volta a melhorar com um panorama mais favorável na economia do país. Estamos buscando soluções com a elaboração de um plano de marketing para buscar novos mercados”, afirma a secretária municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Carla Ennes.

Para Marcelo Ayres, presidente do Sindicato do Comércio Varejista (Sindicomércio) de Rio das Ostras, o município deve ser tratado como referência turística. “O foco é esse. Temos a obrigação de qualificar a mão de obra para oferecer melhores condições para o crescimento do turismo”, avalia.

Últimas de Rio De Janeiro