Só um relógio é vendido em leilão

Por O Dia

No primeiro leilão de bens apreendidos na Operação Lava Jato, no Rio, apenas um relógio, suíço, foi vendido ontem, pelo lance mínimo de R$ 1,3 mil. Por decisão da Justiça, que atendeu a um recurso dos advogados de Sérgio Cabral, uma mansão do ex-governador, em Mangaratiba, avaliada em R$ 8 milhões, e um iate, também dele, de R$ 4 milhões, foram retirados do leilão. No dia 11 de outubro, serão oferecidos, em um segundo leilão, bens apreendidos de ex-assessores de Cabral, incluindo três apartamentos na Barra da Tijuca e carros blindados, com descontos de 20%.

Comentários

Últimas de Rio De Janeiro