PASSE LIVRE PARA REDE FEDERAL

Por O Dia

A gratuidade no transporte público para os estudantes dos ensinos fundamental e médio das escolas federais no Estado do Rio voltou. A informação foi dada com exclusividade ao Informe pelo secretário Estadual de Educação, Wagner Victer, que fechou ontem o retorno do benefício com o governador Luiz Fernando Pezão. Em junho do ano passado, a Secretaria de Educação publicou uma resolução que suspendia o passe livre para os alunos federais a partir deste ano, e transferia para a União a obrigação com a despesa. Com isso, chega ao fim o drama de cerca de 20 mil alunos da rede federal que utilizam ônibus intermunicipais, barca, trem e metrô para irem para a aula. "Foi uma reivindicação dos alunos e um compromisso que assumi para que a gratuidade voltasse", afirmou Victer.

Responsabilidade

Para evitar fraudes e o uso incorreto do passe livre, a Secretaria de Educação vai, a partir de agora, responsabilizar os diretores das unidades escolares. "Essa nova legislação vai colocar a responsabilidade para que os diretores verifiquem o uso correto. Havia muito desvio. Os diretores mandavam a fatura e não atestavam. Agora, vamos regulamentar e responsabilizar", explicou o secretário.

Federalização

A bancada do Solidariedade quer agilizar a PEC 239/2017, que propõe a federalização dos presídios. Após a rebelião que ocorreu no dia 1º, na penitenciária de Anápolis, em Goiás, o deputado federal Aureo decidiu pedir celeridade na Comissão de Constituição e Justiça para votação da PEC 239/2017, de federalização dos presídios.

Sem condições

Aureo afirma que os estados não têm condições de manter penitenciárias, muito menos de gerir os recursos enviados pelo Fundo Penitenciário Nacional. Até agosto do ano passado, os estados só gastaram 1% da verba de R$ 1,2 bilhão. "O melhor caminho é federalizar os presídios, com a troca de informações entre autoridades estaduais e federais", acredita o deputado, que é autor da proposta.

Astros

A ex-Frenética Leiloca, astróloga há 40 anos, contou ao jornalista Murilo Ribeiro, no Canal #ChegaJunto, que a conjunção astrológica de Álvaro Dias (Podemos-SP) para a disputa da Presidência do Brasil está boa, melhor que os líderes de pesquisa. Será?

De olho

A fiscalização da Prefeitura do Rio multou seis quiosques que ocuparam indevidamente área pública, na virada do ano, na Zona Sul. Nas areias, uma área vip criada por um barraqueiro gerou multa e processo de cassação de sua licença.

Oba, oba

No apagar das luzes, a Câmara Municipal de Barra Mansa aprovou uma emenda à Lei Orgânica Municipal que aumenta os salários dos vereadores, do prefeito, do vice e dos secretários. Além disso, aprovaram o pagamento de 13º salário e adicional de férias, já a partir deste ano. O salário de vereador é de R$7,7 mil e de prefeito R$15,4 mil.

Título

A Mongeral Aegon, seguradora com quase 183 anos de atuação no Brasil, com sede no Rio, recebeu o registro Memória do Mundo da UNESCO, por preservar a história e o desenvolvimento da previdência no país. Trata-se da primeira empresa do setor a receber esse título no país.

Comentários