Flávio Ricco: Série antiga é mais atual que nunca

'Nada Será Como Antes' embora ambientada no passado, a série tem apresentado algumas situações de bastidores que em nada se modificaram e ainda se conservam nos dias atuais

Por O Dia

Rio - Como trabalho de produção, não tem nada em cartaz na TV atual daquilo que a série ‘Nada Será Como Antes’ vem apresentando. É serviço de gente grande. Desde o momento que foi anunciada, já se sabia que vinha coisa boa por aí, porque o grupo escolhido para a sua realização foi formado por profissionais da mais alta capacidade, um pessoal da maior competência. Só podia dar nisso. Embora ambientada no passado, retratando a televisão do começo, quando o rádio ainda era insuperável, a série tem apresentado algumas situações de bastidores que em nada se modificaram e ainda se conservam nos dias atuais.

É a protagonista enciumada que faz pressão no autor. O machão que não é bem machão, mas que é muito homem na defesa do seu personagem; a atriz escalada pelo “QI”, o quem indicou, e assim por diante. Está tudo muito atual nessa série de época. 

Em alta 

Se hoje existe alguém na RedeTV! que solta e manda prender, ele atende pelo nome de Ricardo Barros, diretor do ‘Encrenca’. Um profissional com história em outras emissoras, que fez do programa a maior audiência da casa. 

Tanto é assim... 

Que em mais de uma oportunidade já chegou a ser cogitada sua promoção para cargos mais elevados no artístico. Este é um assunto que ainda não foi descartado e poderá perfeitamente apresentar desdobramentos no decorrer dos próximos dias. 

A propósito disso...

Que em mais de uma oportunidade já chegou a ser cogitada sua promoção para cargos mais elevados no artístico. Este é um assunto que ainda não foi descartado e poderá perfeitamente apresentar desdobramentos no decorrer dos próximos dias. 

Complicado 

Se existe mesmo o desejo do SBT em continuar com o ‘Fofocando’, que até agora não acrescentou coisa nenhuma em ordem nenhuma das coisas, é necessário passar todo o programa a limpo. Tem coisas ali abaixo da crítica. O que é aquele homem com saco na cabeça? O que ele acrescenta, a não ser se mostrar como uma figura ridícula. A inexplicável presença dele já passa sensação de escracho. Como pode dar certo? 

Grava segunda

‘Persona em Foco’, da Cultura, vai receber Tony Ramos na gravação desta segunda-feira. Participações especiais de Etty Fraser e Paulo Figueiredo. 

A propósito 

A partir deste domingo, 19h30, a Cultura vai apresentar a série ‘Novelas – 65 anos de Emoções’, que conta toda essa história. 

Aposta no cinema

De férias na TV, Paolla Oliveira tem feito uma forte investida no cinema. Depois de ‘3000 Dias no Bunker’, sobre a criação do Plano Real, ela finalizou quarta-feira ‘Mulheres’, coprodução Brasil e Portugal, com direção de Leonel Vieira. No longa, Paolla faz uma publicitária que passa a receber flores todos os dias, de um entregador (Andrey Lopes) muito divertido.

Últimas de Diversão