Lili Rodriguez: doidas nas telonas

Muita emoção na pré-estreia de ‘Doidas e Santas’, o primeiro papel como protagonista de Maria Paula nos cinemas

Por O Dia

Rio - Muita emoção na pré-estreia de ‘Doidas e Santas’, o primeiro papel como protagonista de Maria Paula nos cinemas. A direção da obra ficou nas mãos de Paulo Thiago, que agradeceu muito a atriz por ter aceitado o papel. Segundo o diretor, a protagonista é muito dramática e seria necessário alguém com muita leveza para interpretá-la.

Leveza essa encontrada em Maria Paula, que também agradeceu pela oportunidade de participar de uma obra de drama/romance. Além do elenco, estiverem presentes alguns dos ‘Cassetas’, amigos de longa data da atriz. O filme, inspirado na crônica homônima da escritora Martha Medeiros, estreia nas telonas amanhã, dia 24. Sucesso!

Um bom atendimento, que maravilha! 

?Dia desses, eu, Lili, acompanhei meu marido para tomar a vacina antitetânica. Ele furou o dedo em um prego enferrujado. Ligamos para vários hospitais particulares, como Casa de Saúde São José, Pro Cardíaco, e acabamos indo parar na farmácia do Leme. Lá, um atendente nos informou que o Rocha Maia tinha a vacina. Seguimos para lá. Fomos atendidos por um recepcionista muito cortês, e encaminhados a uma enfermeira, também agradável, até chegarmos ao médico. Em 40 minutos, ele tomou a vacina. Que bom seria que todos os hospitais tivessem um atendimento imediato assim. O nosso atendente informou que casos leves, como pressão alta e gripes, são ali atendidos. Uma TV na recepção dá um certo conforto ao paciente. Mas alguém ‘levou’ as lâmpadas dos banheiros, que estavam no escuro. Quem foi?

Conectando...

Renata Sorrah, Thiago Lacerda e Ary Coslov estarão na reinauguração do Teatro Maria Clara Machado, na Gávea.

Luísa Thiré encena o monólogo ‘Valsa No 6’, para convidados. O teatro ganhou melhorias na estrutura elétrica e no ar-condicionado e reabre ao público amanhã.

O Festival de Esculturas Itinerantes segue em cartaz, com entrada franca, até o dia 27 de agosto, no Museu Nacional da República, em Brasília, com a participação de 24 artistas de diferentes estados do Brasil e internacionais.

1o Ipa Day vai rolar no bar Teto Solar, que tem 12 rótulos de cervejas artesanais exclusivas e pista de dança rock’n’roll comandada pelo DJ Melvin. Amanhã, às 18h, grátis.

Dois dedos de prosa

ALEXANDRE MACHAFER, coordenador do Núcleo Audiovisual da Fundação Cesgranrio

A Oficina de Atores da Fundação Cesgranrio comemora 5 anos, acumulando boas revelações para nossa dramaturgia. A coluna conversou com Alaxandre Machafer para saber os próximos passos do núcleo.

Quais são as novidades da Oficina de Atores Cesgranrio?

Este ano, estamos comemorando os cinco anos do projeto Oficina de Atores Cesgranrio. Tivemos 1.051 candidatos inscritos no processo seletivo e, especialmente este ano, foi uma tarefa árdua, porque o nível de qualidade de trabalho apresentado por cada candidato estava muito alto. Foram selecionados 10 atores e 10 atrizes, que desde junho estão imersos em nosso processo de aprimoramento no Audiovisual, que terá duração de três meses. Teremos também a ‘Mostra Cesgranrio de Documentário Making of’, onde o público poderá entender como funciona o processo de pré-produção e produção de uma obra cinematográfica. E para o encerramento da Mostra, na próxima quarta (30), teremos como convidado o cineasta Walter Lima Júnior, que falará um pouco sobre sua trajetória no cinema.

Quais são as virtudes dessa nova geração de atores que está se formando?

No processo de imersão da oficina, trabalhamos para que os atores desenvolvam e potencializem virtudes essenciais como disciplina e autoconfiança, que para o trabalho do ator são fundamentais.

Quais são os planos para o futuro da Oficina de atores?

Estamos estudando uma forma de transformar a oficina em curso de especialização para que os atores possam estar ainda mais preparados para o mercado.

A oficina já revelou nomes para emissoras de TV. Pode mencionar alguns?

Barbara Reis, atualmente na série ‘Os Dias Eram Assim’; Felipe Silcler, no ar com a novela ‘Novo Mundo’; Rafael Canedo, que estará na série ‘Brasil a Bordo’, de Miguel Falabella, entre outros.

Últimas de Diversão