Lili Rodriguez: Moda e arte

No Leblon, a marca Loungerie preparou um coquetel para venda de calcinhas, sutiãs e batons nos tons rosa. A renda foi revertida para a Fundação Laço Rosa

Por O Dia

Rio - Nada como começar a segunda-feira com disposição e bom humor. No Rio, muitos eventos... Quanto mais movimento na cidade, melhor para a economia e para o astral. No Leblon, a marca Loungerie preparou um coquetel para venda de calcinhas, sutiãs e batons nos tons rosa. A renda foi revertida para a Fundação Laço Rosa, que luta contra o câncer de mama. As mais 'animadinhas' adoraram os kits... Jade Seba postou foto em seu Instagram sobre o evento e em menos de 20 minutos já havia umas 10 fãs para tirar foto e tietar a blogueira. Um sucesso!

Já a turma da música e das artes foi à exposição 'Transborda', no Espaço Movimento Contemporâneo Brasileiro, de Paula Costa - casada com Rodrigo Suricato, do Barão Vermelho. 

CONECTANDO

Hoje, acontece o IV Prêmio Petrobras de Jornalismo, com 11 categorias nacionais e regionais, além de dois prêmios especiais. No Theatro Municipal do Rio, às 19h.

O InspiraSaúde convidou a psiquiatra Maria Francisca Mauro para ministrar um workshop sobre 'Por que como mais na TPM?' Inscrições: falecom@inspirasaude.com.br.Gratis.

O canal GNT exibirá o documentário #Primavera das Mulheres, que mostra a luta feminina por espaço. O documentário tem roteiro de Antonia Pellegrino e a direção de Isabel Nascimento e Silva. Dia 19, às 23h. Parabéns às mulheres!

O Recreio Shopping e o Hemorio fazem campanha de doação de sangue, gratuita. É indispensável levar documento com foto. Quarta, das 10h às 15h.

Yara Figueiredo, atriz e cantora, fará pocket show no lançamento da Sandália #Fortalizese, em prol da Fundação Laço Rosa, na Casa Ipanema. Amanhã, às 18h30.

DOIS DEDOS DE PROSA

Rawlson de Thuin, cirurgião plástico

Fale um pouco do seu trabalho.

Sou cirurgião plástico graduado no serviço do professor Ivo Pitanguy, professor da UniRio, do Instituto Carlos Chagas e da Universidade Santa Úrsula. Temos 20 residentes se especializando conosco.

O que é mais difícil no dia a dia com os pacientes?

O mais difícil na minha profissão ainda é não poder oferecer técnicas que ainda não temos bons estudos confirmados.

Quais são os procedimentos mais comuns em sua especialidade?

Os procedimentos mais comuns são o face lifting, cirurgia de aumento e redução das mamas, pálpebras e lipoescultura.

Em que momento sua carreira decolou?

O momento que minha carreira decolou foi quando fui diretor e fundador do centro de anomalias craniofaciais do estado do Rio de Janeiro, onde ajudamos centenas de pacientes necessitados sem custo algum.

Momento saia justa?

Uma saia justa foi tratando de uma primeira dama de um país da América do Sul. Eu tive que atendê-la no Palácio. E fiz da mesa da sala de jantar uma maca. Os seguranças circulavam pelos jardins sem entender nada...

Qual o futuro da cirurgia plástica?

O futuro da minha área é a cirurgia robótica, onde teremos grande auxílio da tecnologia.

Conte uma novidade de sua especialidade.

A área de laser de última geração, como o laser de CO2. É um procedimento realizado na minha clínica, que renova a pele, retirando rugas, manchas, cicatrizes e aumentando a quantidade de colágeno.

Um sonho?

Um sonho é poder ajudar centenas de pacientes sem recursos com sequelas de queimaduras.

Últimas de Diversão