Apuração tem confusão entre torcida e dirigentes da Vila Isabel

Torcedores chegaram ao Sambódromo gritando palavras de ordem contra Moisés, presidente de honra da agremiação. Para ex-puxador, Vila Isabel já pode esquecer o título

Por O Dia

Rio - Uma torcida da Unidos de Vila Isabel compareceu ao Sambódromo, na tarde desta Quarta-Feira de Cinzas, para acompanhar a leitura dos votos da apuração do Grupo Especial. No entanto, o clima não é de festa entre a Azul e Branca.

Os integrantes chegaram gritando palavras de ordem contra o presidente de honra da escola Wilson Vieira Alves, mais conhecido como Moisés. "OOO Respeita a torcida", gritam.

Wilson Moisés%2C pai de Wilsinho%2C presidente da Vila Isabel, durante apuração no SambódromoAndré Luiz Mello / Agência O Dia

Gera, que já foi puxador da escola e hoje ajuda a equipe, disse que foi um erro a falta de fantasia. Para ele, a Unidos de Vila Isabel pode esquecer o título, no entanto, ele acha que a escola não cai.

"Sabemos que houve vacilação. Temos que lutar para manter", afirmou.

Ainda no Sambódromo, o público que assistiu à auração ficou revoltado com uma nota 10 recebida pela Unidos de Vila Isabel no quesito fantasia. Muitas vaias puderam ser ouvidas tanto nas arquibancadas quanto nas mesas.

Em Vila Isabel, um grupo de torcedores da escola de samba realizou um novo protesto na porta da quadra, nesta tarde.

Os manifestantes cantaram o samba e questionaram onde está o dinheiro e as fantasias da escola, que desfilou, na Marquês de Sapucaí, na noite de segunda-feira com vários problemas. Na noite desta terça-feira, também houve protesto na porta da Unidos de Vila Isabel.

>>> LEIA MAIS: Torcedores da Vila Isabel fazem novo protesto


Últimas de Carnaval