Luma de Oliveira defende Eike Batista: 'Empreendedores têm que se sujeitar'

Ex-modelo respondeu comentários de seguidores sobre a prisão do ex-marido nas redes sociais

Por O Dia

Rio - Luma de Oliveira defendeu o ex-marido, Eike Batista, em conversa com seus seguidores nas redes sociais. Eike é acusado de lavagem de dinheiro e de pagar propina ao ex-governador Sérgio Cabral. 

Luma de OliveiraAg. News

Ao conversar com um seguidor, Luma fez uma declaração polêmica. A ex-modelo afirmou que no Brasil os empreendedores "têm que se sujeitar às regras do jogo impostas por quem deveria dar o exemplo". 

Um dos internautas disse que Eike "se deixou levar pelo poder". "Acho que você entendeu errado. Ele não se deixou levar pelo poder. Infelizmente no Brasil, os verdadeiros empreendedores às vezes têm que se sujeitar às regras do jogo impostas por quem deveria dar o exemplo", disse.

"Acredito que os empresários gostariam de concretizar seus projetos sem ter que passar por isso. Mas acredito que o país está mudando para melhor e tudo será feito da maneira correta. Concordo com você, maior é Deus. E ele (Eike) tem ele no coração. Vamos em frente... Na fé...", completou.

Luma também comentou o fato de Eike ter se entragado à Polícia Federal. "Sim, a atitude certa foi voltar, mas acredito que em breve os empresários que realmente geram empregos vão poder empreender sem ter que ficar na mão de ninguém".


Últimas de Celebridades