Servidor: Leilão para empréstimo de R$ 2,9 bilhões ao Rio é adiado

Licitação que ocorreria nesta sexta-feira teve que ser reagendada para 1º de novembro a pedido do governo federal

Por O Dia

Rio - A pedido do governo federal, o leilão para garantir o empréstimo de R$ 2,9 bilhões ao Estado do Rio foi adiado desta sexta-feira para o dia 1º de novembro. Com isso, a espera do funcionalismo só aumenta, já que o dinheiro será para pagar atrasados dos servidores, como o 13º de 2016.

Segundo fontes da Coluna, o adiamento foi um pedido da União devido a não publicação de um decreto federal fundamental para a operação financeira.

A operação de crédito terá o aval do Tesouro Nacional e as ações da Cedae em contragarantia.

Últimas de Economia