Procura-se temporários

Empresas intensificam as contratações até o fim do ano em todo o país. Especialistas dão dicas que podem fazer a diferença para uma efetivação

Por O Dia

Rio - Há três meses do fim do ano, o comércio já começa a se mobilizar. Com o aumento da movimentação nas lojas, cresce a procura por temporários. Pesquisa da Fecomércio RJ/FGV Projetos estima que 18 mil estabelecimentos no Estado do Rio já fizeram contratações ou ainda vão contratar. O Manpower Group, empresa especializada em gestão e contratação de pessoas, anuncia o começo do processo de recrutamento e seleção para mais de seis mil vagas até o fim do ano.

Mas o universo de vagas que surgem até o fim do ano é bem maior. Dados da Associação Brasileira do Trabalho Temporário (Asserttem) apontam a abertura de 374 mil oportunidades de setembro a dezembro deste ano. Um crescimento de 5,35% em relação ao mesmo período do ano passado 115 mil delas devem surgir em dezembro. Ainda de acordo com o levantamento da associação, 55% dessas chances são voltadas para o comércio, 36% são para a indústria e 9% para o setor de serviços.

Na terça%2C uma fila de pessoas em busca de empregos se formou em frente a uma faculdade particular. Ao todo%2C 850 vagas foram oferecidasEstefan Radovicz / Agência O Dia

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) estima que mais de 73 mil pessoas serão contratadas pelo comércio brasileiro para as festas de fim de ano, alta de 10% em relação ao mesmo período do ano passado.

Em meio a esse cenário, especialistas vêem com otimismo a possibilidade de efetivação, caso o temporário corresponda às expectativas. Foi o caso, por exemplo, de Francisco de Assis, barman do Belmonte, na Lapa. Contratado nos Jogos Olímpicos, ele investiu em qualificação para permanecer no emprego. "Para quem está fora do mercado, o temporário é uma possível porta de entrada. É nessa hora que o mercado aquece. Você, que está buscando uma recolocação, tem uma ótima oportunidade para conquistar um emprego temporário e transformá-lo em efetivo. Aliás, buscar essa efetivação é exatamente o que deve mover você, o que deve inspirar sua postura e suas atitudes durante esse processo", analisa Maura Xerfan, gestora de carreiras e consultora de Marketing Digital.

Francisco de Assis%2C barman do Belmonte%2C na Lapa%2C foi contratado nos Jogos Olímpicos e investiu em qualificação para permanecer no empregoMaíra Coelho / Agência O Dia

Márcia Almström, diretora de RH do Manpower Group, observa, também, a oportunidade para quem ainda busca ingressar no mercado de trabalho pela primeira vez. "A proximidade do fim do ano reaquece as oportunidades para o trabalho temporário principalmente para o comércio. Esta é uma excelente oportunidade para profissionais do primeiro emprego e também para o profissional que está buscando se reinserir no mercado de trabalho. E, desempenhando um bom papel, conquistar um trabalho fixo no início do próximo ano", observa.

- Oportunidades e dicas

Vagas oferecidas

O Manpower Group anuncia demandas no Rio de Janeiro para os cargos de ajudante operacional, auxiliar administrativo, conferente, entrevistador, motorista Entregador e promotor de vendas. São cerca de 20 vagas, com salário que varia de R$ 1,2 mil a R$ 2,2 mil mais benefícios. Para se candidatar, é preciso cadastrar o currículo no site www.manpowergroup.com.br.

Previsão

Até o fim do ano, há previsão de abertura de vagas para assistente comercial de produtos financeiros, auxiliar de estoque, auxiliar de loja, auxiliar de operações, empacotador, operador de caixa, promotor de vendas, com salários de R$ 1 mil a R$ 1,4 mil. O Manpower Group tem previsão de crescimento de 50% nas oportunidades até dezembro.

Cartão de visitas

Maura Xerfan, que trabalha como gestora de carreiras, enumera dicas para o temporário. A primeira delas está na apresentação do currículo. "O currículo é o primeiro contato de sua marca pessoal com a empresa, uma espécie de cartão de visitas", diz.

Para efetivação

Ela também reforça a importância de ter características essenciais para um bom profissional: boa apresentação pessoal, postura voltada para o crescimento na carreira e inteligência emocional.

 

Últimas de _legado_Empregos e Negócios