Fernando Torres critica organização da Copa das Confederações no Brasil

Espanhol reclamou de grandes diferenças de estrutura das sedes brasileiras

Por O Dia

Espanha - O presidente da Fifa, Joseph Blatter, fez muitos elogios a organização do Brasil na Copa das Confederações. No entanto, a competição não agradou a todos. O atacante espanhol, Fernando Torres, afirmou que disputar o torneio em terras brasileiras não foi tão tranquilo para a equipe européia.

Fernando Torres foi artilheiro da Copa das ConfederaçõesUanderson Fernandes / Agência O Dia

"Foi complicado para todos, pelo clima e pelas instalações. Para a Copa do Mundo, dependeremos da sorte para saber a cidade para onde iremos. É preciso pensar no sorteio da Copa, já que ele pode fazer a diferença. Já sabemos o que vamos encontrar: deslocamentos gigantescos para treinar e condições abaixo do esperado", afirmou.

A Federação Espanhola de Futebol também se irritou com o fato de não poder viajar nos dias de jogos e por ser impedida de manter uma base no país, sendo obrigada a se deslocar o tempo todo.

Durante o período de estada no Brasil, a delegação da Espanha se envolveu em polêmicas. Em Recife, os atletas europeus reclamaram de furto em um hotel. Depois, em Fortaleza, os jogadores tiveram problemas em outro hotel, quando não puderam levar mulheres para os seus quartos.

Últimas de Esporte