Com olho clínico, Demétrius vai ajudar a seleção brasileira na Copa do Mundo

Técnico do Minas mostra confiança no Brasil na competição

Por O Dia

Rio - Demétrius embarcou, nesta terça-feira, para a Espanha. Ele vai fazer o scout dos rivais do Brasil na Copa do Mundo e ajudará a comissão técnica com informações. O comandante do Minas acompanhará Espanha e França, que estão no grupo da Seleção. Depois, foco no Grupo B, de onde sairá um possível rival nas oitavas de final.

Técnico do Minas%2C Demétrius vai ajudar o Brasil na EspanhaDivulgação

"Vai ser muito equilibrado. Vejo um favoritismo para a Espanha, pela equipe e pelo fator casa. A França e a Sérvia têm muita tradição, são de altíssimo nível. O Brasil tem chances de ficar em segundo, o que dá uma condição muito boa, em termos de confiança, para sair da primeira fase com moral", analisa Demétrius.

Ele mostra otimismo no desempenho do Brasil na Copa do Mundo, a partir do dia 30, na Espanha. Demétrius elogia um dos trunfos da Seleção: o garrafão.

"Brasil e Espanha têm o jogo interior mais forte da Copa do Mundo. Magnano tem muitas opções, colocar um time mais leve, mais forte, mais rápido. Esta preparação está muito boa, com aprendizado muito bom. Se conseguir ter mais consistência, o Brasil tem muita chance de ficar entre os quatro primeiros", projeta.

Trabalho no Minas

Novo técnico do Minas, Demétrius começou o trabalho no clube mineiro. A ênfase inicial foi a parte física e alguns conceitos que serão utilizados na temporada. Ele está entusiasmado com a oportunidade.

"Fico impressionado com a estrutura, a condição de trabalho e a motivação por fazer parte de um projeto desse. E também de poder contribuir com os jogadores e passar para eles tudo aquilo que podem encontrar lá na frente, antecipar as dificuldades", afirma.

Até agora, o técnico recebeu três reforços: o pivô Shilton, ex-Flamengo, o ala Alex Oliveira, ex-São José, e o ala-armador norte-americano Robby Collum, ex-Defensor Sporting, do Uruguai, e com passagem pelo Uberlândia. O Minas mira mais dois reforços estrangeiros, sendo um armador e um ala-pivô.

"A ideia é trazer mais dois jogadores para ajudar nesta formação do elenco e com isso mesclar com os meninos do sub-22, que têm grande potencial", declara Demétrius.

Robby Collum vai ser uma das peças de Demétrius no MinasDivulgação

Ex-jogador que brilhou com Vasco, Franca e seleção brasileira, Demétrius serve como espelho para a garotada do Minas. E a experiência na quadra ajuda no dia a dia com os novos comandados.

"Isso facilita, até em termos de linguagem. A condução com os jogadores, como gostam que fale, a cobrança, o ensinamento de alguns detalhes que podem ser importantes no jogo. Por ter trabalhado em seleções de base, os fatores ajudam para ter entrosamento e conhecimento do que eles necessitam", analisa Demétrius, que revela as metas para o Minas nesta temporada:

"O Mineiro vai ser bem interessante pela rivalidade que é conhecida entre Minas e Uberlândia. Acho que o NBB vai ser um campeonato equilibrado. As equipes investiram muito em relação ao ano passado. Vai ser com uma qualidade maior, com jogadores voltando da Europa. Então temos de nos dedicar ainda mais. A expectativa é a de realizar um grande trabalho e colocar o Minas nos playoffs do NBB. Por esse pensamento, de longo prazo, um primeiro passo importante é conquistar o Mineiro e voltar a disputar o playoff do NBB."

Últimas de Esporte