Ex-jogador da seleção de basquete morre com 41 anos em São Paulo

Lígia Maria Moraes morreu de câncer e será enterrada sexta

Por O Dia

São Paulo - Uma notícia ruim para o basquete brasileiro. Morreu, vítima de câncer, em Ourinhos, no interior de São Paulo, a ex-jogadora Lígia Maria Moraes, de 41 anos. O velório acontece na mesma cidade e vai até 17h. A ex-jogadora será enterrada na sexta-feira, às 9h, em Avaré, também no interior paulista, local onde nasceu.

No Sul-Americano de 1993, Lígia fez parte do time que no ano seguinte seria a base da Seleção Brasileira que conquistou o Campeonato Mundial, sob comando do técnico Miguel Ângelo da Luz. Integraram a equipe em Cochabamba, por exemplo, Janeth, Alessandra, Helen Luz e Cíntia Tuiú.

Ao longo de sua carreira, ela defendeu o time local e também Associação Barbarense, Minercal, BCN, Ponte Preta, Goiânia, Bauru, Vila Nova, América e Catanduva.

Últimas de Esporte