Lorrane e Julie brilham na Eslovênia e fazem dobradinha na prova da trave

Nova geração da ginástica brasileira conquista uma prata e um bronze na etapa da Copa do Mundo de Ljubljana

Por O Dia

Eslovênia - A nova geração feminina da ginástica brasileira tem brilhado na etapa da Copa do Mundo de Ljubljana, na Eslovênia. Após o bronze de Rebeca Andrade em sua estreia entre as adultas, neste domingo a dupla Lorrane dos Santos e Julie Kim Sinmon fizeram bonito na prova da trave. A dobradinha verde-amarela na trave teve Lorrane com a prata (13,525 pontos) e Julie com o bronze (13,225), atrás apenas da canadense Isabela Onyshko (14,075).

"Estamos muito felizes pelas medalhas, principalmente por ser a primeira Copa do Mundo das duas!! A ansiedade foi grande... Mas conseguiram se superar! Algumas falhas ocorreram mas agora é treinar muito para as próximas competições", analisou a treinadora rubro-negra Keli Kitaura, também uma das técnicas da Seleção Feminina.

As brasileiras Lorrane e Julie fizeram uma dobradinha na trave na etapa da Eslovênia do MundialDivulgação

Depois de três etapas, a seleção brasileira soma sete medalhas. Além das três conquistadas em Ljubljana, Arthur Zanetti levou dois ouros nas argolas e Diego Hypolito ficou com uma prata no salto e uma no solo. A próxima escala da Copa do Mundo é no Brasil. O ginásio do Ibirapuera, em São Paulo, sedia a competição novamente depois de nove anos, entre os dias 1º e 3 de maio.

Últimas de Esporte