Perrier cai na semi e fatura o terceiro bronze para a esgrima brasileira no Pan

Nascido em Fortaleza e adotado por um casal francês com um ano, Ghislain Perrier ganha mais uma medalha para o país

Por O Dia

Canadá - Ghislan Perrier começou muito bem seu jogo pela semifinal da esgrima com sabre pelo Pan de Toronto, mas levou a virada de Gerek Meinhardt, dos Estados Unidos, e ficou com o bronze, o terceiro do Brasil nesta edição.

Ghislain Perrier ganhou a medalha de bronze na esgrima para o BrasilSergio Dutti / Exemplus / COB

O brasileiro abriu uma vantagem de 5 a 3 no primeiro período, tinha 7 toques a 5 no segundo, mas acabou dominado no embate, perdendo, no fim, por 15 a 12. O regulamento do torneio prevê que aqueles que perdem na semi já ganham o bronze diretamente.

Nascido em Fortaleza e adotado por um casal francês com um ano, Perrier foi convencido pela federação nacional de esgrima a defender o Brasil nos principais torneios do mundo, depois de competir pelo país europeu nos Mundiais de base.

Nos dois primeiros dias de competição no Canadá, Renzo Agresta ganhou o bronze no sabre, enquanto Nathalie Moellhausen, que já competiu pela Itália e também adotou o Brasil neste ciclo olímpico, repetiu esta medalha com a espada, na terça-feira.

Últimas de Esporte