Fred é denunciado por agressão e poderá ficar fora do restante do Mineiro

Atacante poderá pegar gancho de até 12 partidas

Por O Dia

Belo Horizonte - O Atlético pode ficar sem o atacante Fred nas fases decisivas do Campeonato Mineiro. Nesta quinta-feira, o centroavante foi denunciado pela expulsão no clássico contra o Cruzeiro, no último sábado, quando o time perdeu por 2 a 1, e poderá ser suspenso por até 12 partidas.

Fred foi expulso contra o CruzeiroDivulgação

Fred foi denunciado no artigo 254-A do Código Brasileiro de Justiça Desportiva (CBJD), que se refere ao ato de "praticar agressão física durante a partida" e prevê ume punição de quatro a 12 jogos de gancho. Além disso, a procuradoria foi específica ao citar o inciso I do 1º parágrafo: "Desferir dolosamente soco, cotovelada, cabeçada ou golpes similares em outrem, de forma contundente ou assumindo o risco de causar dano ou lesão ao atingido".

No último sábado, Fred foi expulso ainda no primeiro tempo do clássico pelo árbitro Igor Junio Benevenuto ao acertar um soco no zagueiro Manoel após um cruzamento. "Expulsei, diretamente aos 25 minutos do primeiro tempo, o atleta número 9, o sr. Frederico Chaves Guedes, da equipe do Clube Atlético Mineiro, por atingir com um soco no rosto seu adversário de Nº 27, sr. Manoel Messias, na disputa de bola. Cumpro informar que o atleta atingido foi atendido e retornou para a partida normalmente", escreveu o árbitro na súmula.

Caso Fred seja punido e receba a pena mínima do artigo - quatro jogos -, ele só vai retornar ao Atlético no segundo jogo da decisão do Campeonato Mineiro, caso, claro, o time avance até a final da competição. Assim, qualquer punição acima de quatro partidas, o fará não mais defender o time no Estadual.

O julgamento está previsto para ocorrer na próxima terça-feira. De qualquer forma, Fred vai desfalcar o Atlético no próximo domingo, quando o time vai enfrentar a Caldense, em Poços de Caldas, pela rodada final da primeira fase do Campeonato Mineiro e o centroavante vai cumprir suspensão automática.

Com informações do Estadão Conteúdo

Últimas de Esporte