Betis segura o Real, encerra sequência do adversário e arranca vitória no fim

Campeão europeu viu cair por terra sua longa sequência de partidas com pelo menos um gol marcado

Por O Dia

Espanha - O Real Madrid martelou, tentou de todas as formas, mas não furou o bloqueio do Betis nesta quarta-feira. Em pleno Santiago Bernabéu, o time merengue abusou das oportunidades desperdiçadas e acabou castigado nos acréscimos. Sanabria, em rápido contra-ataque, selou a surpreendente vitória da equipe de Sevilha por 1 a 0, pela quinta rodada do Campeonato Espanhol.

Além de tropeçar novamente na tabela, o Real Madrid viu cair por terra sua longa sequência de partidas com pelo menos um gol marcado. Já eram 73 jogos consecutivos, marca que foi encerrada nesta quarta e que iguala o recorde do Santos de Pelé, que conseguiu exatamente este número entre os anos de 1961 e 1962.

O tropeço também reflete o início irregular de temporada do Real, que venceu somente duas vezes no Espanhol e ocupa a sétima colocação, com oito pontos. No sábado, tentará se recuperar diante do Alavés, fora de casa. Já o Betis foi a nove pontos e é o sexto colocado. Na próxima segunda-feira, recebe o Levante em Sevilla.

Real Madrid foi derrotado pelo BetisAFP

O JOGO

Quem teve a primeira chance nesta quarta foi o Betis. Logo aos dois minutos, Casemiro perdeu a bola, Sanabria aproveitou e só parou em Carvajal em cima da linha. No rebote, Camarasa também tentou, mas Navas se recuperou e defendeu.

Mas parou por aí a ofensividade do Betis. O Real cresceu e passou a massacrar o adversário. Aos nove, Cristiano Ronaldo tentou de calcanhar e quase abriu o placar. Aos 16, foi a vez de Modric finalizar firme e parar em ótima defesa de Adán. Mais cinco minutos, e o próprio croata desviou com perigo após cruzamento da direta, para fora.

Casemiro ainda perderia boa chance aos 30, antes de o Betis voltar a assustar com Fabián, que encheu o pé após novo erro da defesa do Real e parou em grande defesa de Navas. A resposta veio aos 42 com Isco, que aproveitou boa jogada de Modric e bateu. Adán, novamente, voou para salvar.

No segundo tempo, o Real não demorou para se lançar ao ataque e perder chance incrível logo aos cinco minutos. Bale recebeu na esquerda, avançou e cruzou no pé de Cristiano Ronaldo, que finalizou quase da pequena área, praticamente sem goleiro, mas isolou.

Como na etapa inicial, o Betis aproveitava os contra-ataques para assustar, e foi assim que quase marcou aos nove, com Francis Guerrero. Mas a resposta do Real demorou apenas um minutos. Aos 10, Cristiano Ronaldo cruzou da esquerda e Carvajal bateu de primeira, na trave.

Passou a crescer, então, a estrela de Adán, que salvou o Betis em grande defesa após finalização de Toni Kroos de fora da área, aos 19. Dez minutos depois, Carvajal avançou pela direita e cruzou rasteiro. Bale emendou de letra e parou novamente no goleiro. A bola ainda tocou no travessão antes de sair.

O Betis ainda teve gol anulado aos 44, em impedimento bem marcado de Sanabria, no que parecia a última chance da partida. Mas já aos 48, o mesmo Sanabria apareceu sozinho na área após contra-ataque, recebeu ótimo cruzamento de Barragán e cabeceou cruzado para castigar o Real e garantir a vitória.

OUTROS RESULTADOS

Em outra partida desta quarta-feira pelo Campeonato Espanhol, o Sevilla recebeu o Las Palmas e venceu por 1 a 0, subindo para 13 pontos e ocupando a vice-liderança da tabela, a dois do Barcelona. Jesús Navas, já na reta final da partida, marcou o único gol.

Quem também venceu por 1 a 0 foi o Deportivo La Coruña. A equipe recebeu o Alavés e conquistou o primeiro triunfo na competição, pulando para quatro pontos e deixando a zona de rebaixamento. O Alavés, por sua vez, continua sem pontuar e é o vice-lanterna.

Últimas de Esporte