'Matar ou matar', afirma Vagner Mancini sobre partida contra o Coritiba

Duelo diante do Coxa será fundamental na briga contra o rebaixamento

Por O Dia

Rio - Nesta terça-feira, o Botafogo fechou a preparação para o duelo diante do Coritiba, no Couto Pereira, na quarta. Vagner Mancini poderá contar com o retorno do zagueiro André Bahia, que ficou de fora do jogo contra o Sport por problemas musculares. O confronto será de "seis pontos", pois o Coxa está na lanterna do Brasileirão e é um adversário direto na luta contra o rebaixamento. Ciente da importância da vitória, o técnico esbanjou confiança.

LEIA MAIS: André Bahia treina sem problemas e vai voltar ao time do Botafogo

Mancini vê vitória contra o Coritiba como fundamentalDivulgação

"É um jogo de matar ou matar. Morrer não faz parte do vocabulário. Nessa hora tem de mostrar para o atleta que se vier uma derrota, ficamos na zona desconfortável. Saímos recentemente da lanterna porque fizemos quatro pontos nos dois últimos jogos. O ideal é somar dois pontos a cada jogo. Essa matemática não existe, mas é possível quatro em duas partidas. Precisamos agregar o jogo contra o Coritiba junto ao do Flamengo para ganhar moral", disse o treinador, se referindo já ao clássico de sábado, às 21h (horário de Brasília), em Manaus.

Apesar de classificar o triunfo como fundamental para o Glorioso, Mancini também não vê com maus olhos um possível empate diante do Coxa.

"O ideal é vencer. Nesses últimos nove jogos que faltam, o importante é sempre somar pontos, não importa como. A vitória tem de vir, mas o empate ao menos mantém a distância para o Coritiba, que está atrás de nós. Mas não podemos perder distância para os mais acima. Dependendo do que for o jogo, a gente analisa depois se o empate foi ruim", afirmou.