Jair Ventura comemora período como técnico do Bota: 'Objetivo conquistado'

Auxiliar permanente fez seu último jogo no comando do Alvinegro no empate em 0 a 0 com o Criciúma, na terça-feira

Por O Dia

Rio - O saldo de Jair Ventura como técnico interino do Botafogo foi positivo. Em três partidas, uma vitória e dois empates. O auxiliar permanente, que assumiu o posto após a saída de René Simões, fez seu último jogo no comando do Alvinegro no empate em 0 a 0 com o Criciúma, nesta terça-feira. A partir da próxima rodada, Ricardo Gomes assume a posição e a missão de manter a equipe na ponta da Série B.

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

"Queria agradecer ao presidente e à diretoria pela oportunidade ter ficado interinamente nesses três jogos. O objetivo foi conquistado, e deixo o time na liderança antes de passar o bastão para o Ricardo. O Botafogo é líder absoluto, com dois pontos de diferença. Estou feliz", disse.

Jair Ventura se despediu do comando interino do BotafogoAndré Mourão

Membro da comissão permanente desde o início do ano, Jair garante que não deixará o Botafogo, já que pretende fazer parte da campanha de acesso à elite nacional. Para continuar o trabalho no clube, o auxiliar afirma ter recusado duas propostas recentemente.

"Estou muito feliz na minha função. Não tenho pretensão. Tive duas propostas nesses dias. Uma dos Emirados Árabes e outra de um clube da Série B. Recusei, pois não quero sair. Estou feliz no Botafogo. Quero subir com esse clube. Não participei do rebaixamento. Fui demitido em 2013. O motivo eu não sei, mas quero ajudar os que ficaram a levar esse time de volta à Série A. Vou ficar. No futuro, eu não sei", explicou.

Com 29 pontos, o Botafogo se mantém líder da Série B do Brasileirão, dois pontos à frente dos outros três integrantes do G-4 da competição. O próximo confronto do Alvinegro, já sob o comando de Ricardo Gomes, será contra a Luverdense, no sábado, às 16h30, no Engenhão.