De olho no Flamengo, Jefferson admite ansiedade para confronto com o rival

Capitão Alvinegro afirma que o elenco quer entrar em campo logo para enfrentar o Rubro-Negro, em Juiz de Fora

Por O Dia

Rio - Capitão do Botafogo, Jefferson admitiu que é grande a ansiedade em General Severiano para o clássico diante do Flamengo, amanhã, em Juiz de Fora: “É sempre um jogo decisivo. Sabemos da rivalidade entre os clubes, entre os torcedores. Vamos entrar em campo com raça e disposição. Respeitamos o Flamengo, mas precisamos vencer. É muito importante para nós”, disse Jefferson, destacando a importância de o Alvinegro somar mais três pontos na tabela da Taça Guanabara.

“Vai nos dar um gás para a sequência do campeonato. É sempre um jogo muito bom de se jogar, que não precisa de preleção. Temos que dar a vida dentro de campo. Já podemos ver isso nos olhos dos jogadores. Todos estão ansiosos para entrar em campo”, afirmou o goleiro.

Capitão e ídolo do Fogão, Jefferson não vê favorito no clássico de sábadoVitor Silva / SS Press / Botafogo

Sobre o reencontro com Willian Arão, que trocou o Botafogo pelo Flamengo após briga judicial, Jefferson minimizou: “É claro que a rivalidade sempre existe. Mas nosso jogo não é contra o Arão, é contra o Flamengo. Respeitamos o Arão, é um grande jogador, nos ajudou muito no ano passado. Muitos jogadores aqui são amigos íntimos do Arão. E isso é legal. Mas em campo é claro que vamos defender o nosso, e ele, o dele.”

Jefferson rechaçou que o Botafogo seja o favorito no clássico por estar atravessando um momento melhor que o do rival: “Não vamos cair nessa armadilha. Clássico é clássico. A equipe do Flamengo é muito forte. As duas equipes têm condições de vencer. É claro que estamos confiantes, mas tudo pode acontecer.”

O técnico Ricardo Gomes terá a chance de contar com o retorno de três titulares: o lateral Luis Ricardo e o zagueiro Emerson, recuperados de lesão, e o volante Airton, que estava suspenso e, por isso, não enfrentou o Volta Redonda.