Neilton quer permanecer no Botafogo

Atacante já fez apelo a direção para continuar vestindo a camisa do Fogão

Por O Dia

Rio - Neilton foi apontado como o sucessor de Neymar no Santos, em 2013. Com a mesma expectativa, o Cruzeiro investiu na promessa no ano seguinte, após ele recusar a proposta de renovar com o Peixe. Sem vingar no futebol paulista e mineiro, o atacante, de 22 anos, encontrou no Rio o seu equilíbrio. Com a camisa 7 do Botafogo, vive o melhor momento da carreira e sonha com a permanência em General Severiano ao fim de seu empréstimo, em dezembro.

“Brinquei com Antônio Lopes (gerente de futebol) e disse: ‘E aí, vai me comprar?’. Foi uma brincadeira, mas com um fundo de verdade. Meu desejo é esse. Já está chegando no fim do ano e meu desejo é permanecer. Mas vamos deixar isso mais para a frente, para eu poder ficar tranquilo e dar o melhor em campo”, afirmou o atacante.

Neilton revelou vontade de renovar o contratoDivulgação

LEIA MAIS: Notícias, contratações e bastidores: confira o dia a dia do Botafogo

A vontade de Neilton tem explicação. No Botafogo, ele conseguiu emplacar uma sequência que nunca teve com as camisas de Santos e Cruzeiro. Contratado para a disputa da Série B do Brasileiro de 2015, soma 59 partidas em pouco mais de um ano de clube. Após o litígio marcado pela recusa das ofertas de renovação com o Peixe, ele deixou Santos com 19 partidas e quatro gols no currículo. Pela Raposa, os números são ainda piores: 12 partidas e um gol.

Vice-artilheiro alvinegro no ano, com 12 gols (17 no total), Neilton se tornou peça-chave na equipe. A parceria com Sassá é um dos segredos da recuperação do time no returno. O décimo lugar, com 32 pontos, é um alívio após rodadas de sofrimento no Z-4.

A meta é alçar voos maiores na competição. “Não tem motivação maior do que vestir a camisa do Botafogo. Mas o que o Jair Ventura vem fazendo é importantíssimo. Ele vem colocando esse espírito de vitória. O espírito coletivo fez a nossa equipe crescer muito no Campeonato Brasileiro”, destacou Neilton.