Presidente do Botafogo detona Flamengo: 'Querem passar por cima dos outros'

Carlos Eduardo Pereira rejeitou qualquer tipo de união com o Flamengo

Por O Dia

Rio - A rivalidade entre Flamengo e Botafogo, que se acirrou em meados dos anos 2000, quando os dois times decidiram o Campeonato Carioca repetidas vezes, parece voltar à tona com declarações de Carlos Eduardo Pereira, presidente do Alvinegro. O mandatário criticou a postura dos rivais, afirmando que o clube tem uma política de "passar por cima dos outros".

Presidente do Botafogo alfinetou o FlamengoVitor Silva / SS Press / Botafogo

Em entrevista ao canal Fox Sports, o dirigente do Botafogo exaltou a rivalidade entre os clubes, ressaltando que não deve haver violência entre as torcidas, e aproveitou para alfinetar o Flamengo, dizendo que os adversários já lhe deram muita alegria.

"Acho que a rivalidade é positiva. Vejo com bons olhos. Tive uma infância crescendo e o Flamengo sempre me deu muitas alegrias. Sempre bom cultivarmos essa rivalidade, em alto nível, sem estimular a violência."

Além disso, quando perguntado se uma união entre os dois clubes fortaleceria ambos, o presidente foi enfático ao responder que é impossível fazer esse tipo de ligação, uma vez que a política do Flamengo não a permitiria.

"A política do Flamengo é de não caminhar junto com ninguém. Flamengo tem uma política hegemônica no futebol e quer caminhar sozinho, passando por cima dos outros, mas passar por cima do Botafogo é mais difícil."

As duas equipes se enfrentarão na 4ª rodada da Taça Guanabara, no dia 11 do próximo mês. No entanto, com a indefinição sobre a utilização do Maracanã, em péssimas condições, o local segue em aberto.