Carli admite ter cometido pênalti, mas reclama de segunda marcação do árbitro

Zagueiro derrubou Rildo na área duas vezes e juiz Flávio Rodrigues de Souza marcou falta em ambos os lances, que geraram os gols do Coxa

Por O Dia

Rio - O grande destaque da partida entre Botafogo e Coritiba foi o zagueiro Joel Carli, tanto defensiva quanto ofensivamente. Depois de cometer dois pênaltis, o argentino virou centroavante em um lance e acabou marcando, com oportunismo, o segundo gol alvinegro no empate em 2 a 2.

Joel Carli marcou o gol que deu números finais à partidaReprodução Internet

Na saída do gramado, o defensor reclamou do segundo lance, quando Rildo parece ter cavado o pênalti, buscando o contato com Carli dentro da área antes de ser derrubado.

"No primeiro lance de pênalti, foi falta, o segundo não. Futebol é complicado, acho que nós merecíamos ganhar, mas não conseguimos. Não foi falta, mas o juiz viu", disse o atleta.

Após a marcação da penalidade, Henrique Almeida foi para a bola e bateu colocado, colocando o Coxa na frente, àquele momento. Na comemoração, o ex-jogador do Botafogo sinalizou o "chororô", provocando a torcida alvinegra.

Com o empate, o Botafogo se manteve na 9ª colocação do Campeonato Brasileiro, com oito pontos na competição. Na próxima quarta-feira, o clube vai à Bahia para enfrentar o Vitória.