Holanda acredita que seu estilo de jogo coloca medo nos adversários

"É ótimo. Não acredito que muitos times querem e gostam de jogar contra nós do jeito que atuamos", disse Vlaar

Por O Dia

Rio - A Holanda que estreou na Copa do Mundo aplicando 5 a 1 na Espanha, atual campeã mundial, avançou para as oitavas de final com 100% de aproveitamento, possuindo o melhor ataque com dez gols marcados e sofrendo três gols, sendo dois em pênaltis contestados até hoje pelos jogadores. Baseando-se, principalmente, no contra-ataque, o time sente que coloca medo nos adversários.

Jogadores comemoram o gol da Holanda diante do ChileReuters

LEIA MAIS: Confira notícias e bastidores da Copa do Mundo

"A confiança está crescendo porque vencemos os três jogos. É ótimo. Não acredito que muitos times querem e gostam de jogar contra nós do jeito que atuamos, é muito difícil, tem poucas chances e podemos marcar gols como mostramos. Vamos ver o que vai dar", disse o zagueiro Vlaar.

A alegria aumenta pela campanha impecável em uma chave complicada. "Estamos muito satisfeitos de ter vencido a campeã mundial. Muitos se surpreenderam com isso, e ficamos muito felizes com o resultado. A Austrália é um time muito forte fisicamente, e dos times sul-americanos que vi, o Chile é um dos melhores nesta Copa. É muito bom ter vencido os três jogos", vibrou o atacante Kuyt.

Apesar das críticas que recebe, sob acusação de privilegiar a defesa e apostar nos lançamentos para Robben e Van Persie, a equipe se sente completa. "Fizemos dez gols. Não são só atacantes, e tomamos três gols, com dois pênaltis, e não é só defesa. Jogamos como um time, é o que se vê nos nossos jogos. Parece que todos sabem o que fazer no campo", apontou Vlaar.

"Estamos muito felizes com os vários gols que fizemos. Acreditamos no jeito em que jogamos, no técnico, nos jogadores. Temos um técnico muito qualificado, que sempre nos fala como jogar", enalteceu Kuyt.

O objetivo, agora, é não se empolgar para evitar uma eliminação, já que todas as partidas passarão a ser eliminatórias. "Sabemos que podemos fazer ainda melhor do que isso. Foi bom conquistar nove pontos em três jogos, mas podemos crescer", apontou o zagueiro De Vrij. "Não podemos errar mais para alcançar algo", simplificou Vlaar.

Últimas de _legado_Copa do Mundo