Suárez não poderá treinar, nem ser apresentado pelo Barça em 4 meses

Atacante recebeu punição da Fifa por conta de mordida

Por O Dia

Espanha - Recém-contratado pelo Barcelona, o atacante Luis Suárez não vai poder ser apresentado, nem participar de nenhum treinamento pela equipe catalã nos próximos quatro meses. A punição da Fifa por conta da mordida em Chiellini envolve qualquer evento ligado ao futebol. A informação foi revelada pelo porta-voz da entidade máxima do futebol, Delia Fischer, neste domingo.

Luis Suárez não será apresentado pelo BarcelonaDivulgação / Barcelona

"A proibição se refere a qualquer atividade ligada ao futebol. Ele não pode estar em algum evento público relacionado ao futebol, independente do lugar. Não pode nem mesmo estar em um evento de caridade ligado ao futebol", afirmou o dirigente, em entrevista publicada pela agência “AP”.

O clube espanhol ainda tem a esperança de reduzir a pena do uruguaio. Caso a Após a Fifa se recuse a diminuir a suspensão nesta semana, Suárez e a Associação Uruguaia de Futebol (AUF) poderão ainda apelar da decisão na Corte Arbitral do Esporte (CAS).

LEIA MAIS: Notícias e bastidores da Copa do Mundo

"Estamos apoiando o apelo feito pela federação uruguaia e estamos convencidos de que a punição inicial da Fifa será reduzida. Ele reconheceu o erro, e o Barça assegurará sua reintegração ao mundo do futebol. Suárez trará suas qualidades, com gols e seu desejo de competir e vencer. Nós vamos ajudá-lo, com sua família, a se adaptar rapidamente a Barcelona e ao time", disse o presidente do Barcelona, Josep Maria Bartomeu.

Últimas de _legado_Copa do Mundo