Contra o Santa Cruz, Flamengo busca vitória no Arruda para retornar ao G-4

Rubro-Negro e equipe pernambucana duelam nesta quarta

Por O Dia

Pernambuco - Contra o Santa Cruz, às 21h, no Arruda, o Flamengo completa um mês sem Guerrero. Sob o comando do por ora interino Zé Ricardo e com um ataque também temporário, o Rubro-Negro tenta se estabelecer no pelotão de cima da tabela do Brasileiro. Em sexto lugar, o time pode saltar para quarto, caso uma vitória venha combinada a derrotas de São Paulo e Corinthians. O peruano reassumiria a sua posição no Fla-Flu, domingo, em Natal, no G-4, depois de deixar a equipe em 12º para se apresentar à seleção peruana.

Flamengo enfrenta o Santa CruzGilvan de Souza / Flamengo / Divulgação

A última vez que Guerrero entrou em campo pelo Flamengo foi na segunda rodada do Brasileiro, na derrota por 1 a 0 para o Grêmio, em 22 de maio. Quatro dias depois, Muricy Ramalho deixou o cargo, com problemas de saúde. Jayme de Almeida dirigiu o time contra a Chapecoense, e Zé Ricardo assumiu a partir do jogo diante da Ponte Preta.

Foram sete jogos sem o camisa 9: três vitórias, dois empates e duas derrotas — aproveitamento de 52,38%. Ontem, ao se reapresentar no Ninho do Urubu, Guerrero alegou cansaço por causa da viagem e dos compromissos pela Copa América. O astro não é mais unanimidade no clube, mas, até agora, não chegou qualquer proposta concreta para contratá-lo.

O técnico do Hamburgo disse, recentemente, que gostaria de contar com o centroavante. Já a imprensa argentina veiculou suposto interesse do Boca Juniors. Guerrero, no entanto, afirmou que pretende ficar no Rubro-Negro, ao embarcar em Lima, rumo ao Rio.

“Eu tenho contrato com o Flamengo. Não sei nada sobre o Boca, estou indo para o Brasil. No futebol não se descarta nada, mas eu sou jogador do Flamengo e estou bem lá. Quem não gostaria de jogar em uma equipe tão grande como o Boca? Qualquer profissional, mas sou jogador do Flamengo. Seguirei no Flamengo”, disse, Guerrero em entrevista ao canal ‘Gol Peru’.

DAMIÃO ENTRA NA LISTA DE REFORÇOS

O atacante Leandro Damião estaria na mira do Flamengo. O jogador, liberado pelo Santos, vem mantendo conversa com a diretoria do clube, de acordo com o 'Diário Lance'. Dirigentes rubro-negros afirmam que, por ora, não há nada de concreto.

Já a negociação com o Rosário Central pelo zagueiro argentino Donatti está emperrada. A primeira proposta de US$ 1,3 milhão (R$ 4,3 milhões) teria sido recusada pelo Rosário e o Rubro-Negro não subiu a oferta.

O Flamengo pode ter que jogar cinco partidas com os portões fechados. A procuradoria do STJD recorreu da decisão que tirou um mando do clube e impôs multa no valor de R$ 50 mil por causa da briga entre rubro-negros e palmeirenses, na sexta rodada.