Réver rebate presidente do Botafogo e diz que prefere clássico com duas torcidas

Clássico entre Flamengo e o Glorioso vale vaga na final da Copa do Brasil

Por O Dia

Rio - A semifinal da Copa do Brasil entre Botafogo e Flamengo só começa no próximo dia 16, mas os preparativos para o clássico já se iniciaram. O presidente do clube alvinegro, Carlos Eduardo Pereira, afirmou que irá fazer um pedido para que a CBF observe melhor os "erros sintomáticos" das arbitragens em favor do Rubro-negro na temporada. O zagueiro Réver rebateu as declarações do mandatário.

"Não gosto de entrar em polêmica. Mas todos erros sistemáticos comprovaram que arbitragem estava correta, exceção de ontem. Quando é a favor é sistemático. Quando não é, é normal. Eu cumprimento os árbitros sempre. Engraçado que só saiu esse de ontem. Então é muita conversa para pouco futebol. Só isso.", afirmou.

Réver rebateu presidente rivalReprodução Internet

O zagueiro ainda comentou a possível escolha da Ilha do Urubu e do Nilton Santos como palcos das partidas. O presidente do Botafogo afirmou que irá tentar que os clássicos aconteçam com proporcionalidade de ingressos destinados a mandantes e visitantes.

"O segundo jogo agora é em casa, mas só vai ser bom se tivemos bom resultado no primeiro jogo. Sempre bom decidirmos em casa. Mas sobre torcida única, eu não sou a favor. Prefiro as duas torcidas, sempre foi dessa maneira. Desde que haja segurança. Porque o futebol está muito violento fora de campo", disse.

Sobre o Brasileirão, o jogador também falou. Autor do gol de empate contra o Corinthians, Réver já projetou o próximo duelo do clube carioca que será contra o Santos.

"Claro que vencer partida grande como essa acaba dando moral, acaba elevando a moral do grupo. Viemos de jogo muito pegado contra o Corinthians, jogo muito bom. Mas estamos jogando bem. Um pequeno detalhe para a gente vencer. Esse algo a mais possa sair para alcançar nosso objetivo do título.", disse.