Fluminense ainda busca um camisa 10

Mesmo após a chegada de reforços, elenco não está fechado

Por O Dia

Rio - Engana-se quem pensa que o pacotão de reforços do Fluminense para a sequência do Brasileiro está fechado após a apresentação, terça-feira, de Maranhão, Dudu e William Matheus. A diretoria ainda busca um camisa 10 para atender ao pedido do técnico Levir Culpi e fechar o elenco.

Além da inesperada saída de Diego Souza, o clube vai perder Gerson, que retornará para a Roma no fim do mês e deixará uma lacuna no setor de criação. A tendência é que o Fluminense procure a solução no futebol sul-americano, que é menos inflacionado, mas jogadores que se destacarem no Brasil, principalmente na Série B, também podem aparecer nas Laranjeiras.

Fluminense, de Levir Culpi, pode receber mais um reforçoDivulgação

“Temos uma carência no meio de campo. Estamos sempre atentos ao mercado, vendo as oportunidades. O grupo não está fechado. Estamos fazendo análises. Falamos de quatro a cinco, e já fechamos três. Estamos observando as primeiras rodadas e vendo nosso elenco. Pode vir algo do mercado sul-americano, do nacional... Pode ser um brasileiro que está fora. Depende da oportunidade que surgir”, explicou o diretor de futebol, Jorge Macedo, durante a apresentação oficial dos três reforços.

Enquanto não fecha com nenhum jogador para dar a criatividade que falta à equipe, o Fluminense contará com o retorno do meia Robert, que estava emprestado ao Barcelona B. O Tricolor ainda não foi comunicado oficialmente sobre a dispensa do atleta, mas, em breve, o jogador deverá ser reintegrado ao elenco de Levir Culpi.

O garoto de 19 anos apareceu como revelação de Xerém, mas não se firmou entre os profissionais e foi cedido ao clube espanhol no início do ano. Fora de forma, não agradou e será devolvido.