Jorge Macedo afirma que Levir estava de 'cabeça quente' e promete reforços

Dirigente confirmou que o técnico segue no comando do Flu

Por O Dia

Rio - Após a divulgação da permanência de Levir Culpi e do treino comandado pelo técnico, o diretor de futebol do Fluminense, Jorge Macedo concedeu uma entrevista coletiva para falar sobre a polêmica envolvendo o treinador que falou sobre a possibilidade de deixar o comando da equipe, após o empate com o Ypiranga-RS pela Copa do Brasil. Segundo o dirigente, as palavras de Levir após o tropeço em Volta Redonda foram ditas de cabeça quente,

Jorge Macedo falou sobre as conversas com Levir CulpiNelson Perez/ Fluminense F.C. / Divulgação

"Ontem (quarta-feira) mesmo conversamos com o Levir no retorno de Volta Redonda. Ele estava de cabeça quente, insatisfeito com o resultado. Ele tinha planejado um jogo diferente. Naquele momento, acabou falando, dizendo que queria uma conversa. No almoço de hoje, nem falamos mais disso. A saída foi descartada. O Levir já nos deu resultados e está trabalhando duro.", afrimou.

Jorge Macedo negou qualquer tipo de desentendimento de Levir com algum jogador ou membro da diretoria do Fluminense. "São quase 70 pessoas, sempre há alguma divergência. Ficamos muito juntos. O problema com o Fred foi resolvido. Agora, não vejo problema de relacionamento. Agora foi mais uma coisa de resultado do jogo. Depois da partida já conversou com os atletas. Não há crise de relacionamento ", disse.

O dirigente afirmou que Levir Culpi está motivado em melhorar o rendimento da equipe do Fluminense e que o técnico receberá reforços para a disputa do restante da temporada.

"O Levir se convenceu que já conseguiu mais desse time. Futebol é feito de fases. Sabe que pode conseguir mais. Agora tem o retorno de outros atletas, o Henrique Dourado e outros que estão para vir. Podemos brigar mais em cima na tabela.", concluiu.