Jorginho exalta vitória e primeira virada do Vasco neste Campeonato Brasileiro

Técnico falou sobre a importância de vencer o clássico

Por O Dia

Rio - A vitória do Vasco sobre o Flamengo por 2 a 1 neste domingo, no Maracanã, teve um fato ainda mais especial para o Cruzmaltino. Foi a primeira vez que o time conquistou um triunfo de virada nesta edição do Campeonato Brasileiro. A equipe de Jorginho iniciou perdendo, mas com gols de Rodrigo e Nenê, conseguiu somar mais três pontos.

"É a primeira virada que temos no campeonato, e isso é muito bom. Os jogadores estão acreditando muito mais. Têm mais confiança, isso é muito bom. E o que está fazendo uma grande diferença é que quem não está jogando está com sangue nos olhos, treinando muito, e quem está jogando sabe que tem de dar tudo senão vai acabar ficando para trás. Estão treinando muito. Todos muito focados", disse o técnico, que completou:

Jorginho falou sobre a importância da vitória sobre o FlamengoMárcio Mercante / Agência O Dia

"O principal é que organizamos um pouco a equipe taticamente, estávamos com dificuldade com a movimentação do Flamengo. O Canteros estava penetrando como um meia-atacante e a gente estava tendo dificuldade nessa troca de marcador. A questão da posse de bola. O Flamengo é uma equipe muito perigosa, muito rápida quanto retoma a bola, e conseguimos ultrapassar a primeira linha de quatro deles, foi importante. Mas o principal de tudo foi a atitude do time. A gente continuou acreditando, organizado, não mudamos, não era o plano mudar, e a equipe simplesmente encaixou mais no segundo tempo."

Jorginho não escondeu a satisfação de vencer um clássico contra o Flamengo, maior adversário no Rio. Este não foi o primeiro triunfo do técnico, que venceu o jogo de ida das oitavas de final da Copa do Brasil.

"É um jogo diferente, eu me sinto diferente, a rivalidade é muito grande. Sair em desvantagem nesse clássico e reverter, é diferente. O que mais me alegra é ver meu grupo reagindo. Ver eles acreditando que vamos reverter, vamos fugir do rebaixamento. É uma alegria extra porque existe essa rivalidade. Joguei nos dois lados, sei muito bem como é o sentimento do atleta e do torcedor também", concluiu.

O Vasco segue na zona de rebaixamento, mas se vê mais perto de deixar a degola. Com 26 pontos, a equipe é 19ª na tabela. O próximo compromisso pelo Brasileirão será contra o Avaí no domingo, às 11h, na Ressacada.