Torcida faz protesto e Vasco fecha as portas de São Januário

Insatisfeitos com momento do time, vascaínos pediram reunião com elenco

Por O Dia

Rio - No dia seguinte ao empate entre Vasco e Luverdense, o clima ficou pesado em São Januário. A situação desconfortável na Série B e a sequência complicada deixaram os torcedores insatisfeitos com o rendimento da equipe. Cerca de 40 torcedores foram até a sede do clube, na tarde desta quarta-feira, pedir uma reunião com o elenco. A solicitação dos vascaínos não foi atendida e os mesmos não puderam entrar.

A manifestação foi organizada através de uma rede social, com cerca de 300 pessoas confirmadas, apesar de somente 40 terem ido até a porta do clube. Com receio das ações, a segurança foi reforçada em São Januário. Porém, o protesto aconteceu de forma pacífica.

VEJA MAIS: Chances de acesso do Vasco caem drasticamente na reta final da Série B

Assim como os torcedores, a imprensa também ficou de fora das atividades desta quarta-feira. O Vasco realizou um treino fechado e comunicou que não haveria coletiva.

Em São Januário as atenções seguem dobradas. O Vasco ocupa a terceira posição na tabela, com os mesmos 59 pontos do quarto colocado, Avaí. Para aliviar a pressão, o Cruzmaltino precisa de uma vitória diante do Bragantino, neste sábado, fora de casa.